Ministério da Saúde e Sesa confirmam caso suspeito do novo coronavírus no Paraná

O Ministério da Saúde e a Secretaria da Saúde do Paraná (Sesa) confirmaram, nesta segunda dia 10, um caso suspeito de novo coronavírus, em Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná.

 

É a terceira notificação de suspeita da doença no estado. Outras duas suspeitas, que haviam sido identificadas em Curitiba, foram descartadas.

 

Desde o começo dos alertas, o Brasil já descartou 32 casos suspeitos. Nenhum caso da doença foi confirmado no Brasil.

 

Nesta segunda-feira, o Ministério da Saúde informou que sete casos suspeitos são investigados.

 

Além do paciente identificado em Ponta Grossa, também há três suspeitas em São Paulo, e outros estados têm um caso suspeito cada: Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

 

Primeira suspeita nos Campos Gerais


De acordo com a Sesa, o caso suspeito identificado em Ponta Grossa trata-se de um menino, de sete anos, que esteve em janeiro na região sul da China, em Taishan (Guangdong).

 

Ainda conforme a secretaria, o menino retornou ao Brasil no dia 30 de janeiro, e foi atendido em um hospital, no dia 6 de fevereiro, quando foi diagnosticado com sintomas de quadro respiratório leve.

 


"As medidas preventivas e de bloqueio foram adotadas pelo município. Enquanto se aguarda análise das amostras, o paciente passa por acompanhamento em domicílio", informou a Sesa.

 

Sintomas e suspeita

 

A Sesa ressaltou que podem ser considerados suspeitos casos de pacientes com sintomas respiratórios – como febre, tosse e dificuldades para respirar – e que possuem histórico de viagens para áreas consideradas de transmissão da doença, na China, no últimos 14 dias ou que tenham tido contato próximo com pessoas e casos suspeitos ou confirmados do coronavírus.

 

Ao constatar essas características, conforme a secretaria, o paciente deve procurar uma unidade de saúde. (Com RPC Curitiba e G1 PR)

 

 

 

Hashtag:
Bandidos fazem médicos e pacientes reféns em posto de saúde de Formosa do Oeste

Dois bandidos estão fazendo várias pessoas reféns na manhã desta segunda dia 10, em Formosa do Oeste, cidade a 108 quilômetros de Cascavel.

 

Os bandidos estavam no primeiro momento com duas vítimas, mas entraram no posto de saúde da cidade e fizeram toda equipe médica e também os pacientes reféns.

 

A Polícia Militar de Formosa do Oeste está toda mobilizada, bem como equipes da região que foram chamadas para prestar apoio.

 

Os bandidos não querem negociar com as equipes e não há informações sobre vítimas feridas.

 

Mais detalhes em breve. (Com Catve)
 
 
 
Hashtag:
Homem morre afogado em cachoeira em Campo Mourão

Um homem de 38 anos, identificado por Jeferson Aparecido Silva, morreu afogado em uma cachoeira localizada próximo à comunidade Barreiro das Frutas, em Campo Mourão. O incidente ocorreu por volta das 16h30 deste domingo.

 

Aparecido estava se refrescando na cachoeira na companhia de amigos, quando teria entrado caminhando na água, em direção à cachoeira. No entanto, ao se aproximar da queda d´água, ele acabou afundando e não retornando mais à superfície.

 

Os amigos buscaram ajuda e uma equipe da Patrulha Rural, que estava nas proximidades, foi ao local e o Corpo de Bombeiros também foi acionado.

 

Os mergulhadores fizeram buscas na água, mas o corpo do rapaz não foi localizado. As buscas serão retomadas na manhã desta segunda-feira. (Com Tá Sabendo). 

Hashtag:
Acordo entre Ferroeste e Rumo amplia capacidade para escoar safra

A Ferroeste (Estrada de Ferro Paraná Oeste S.A.) e a Rumo Logística formalizaram em Cascavel, o Contrato de Operação Específico que vai ampliar a capacidade de escoamento da safra da Região Oeste pelo ramal ferroviário.

 

O documento foi assinado pelo governador Carlos Massa Ratinho Júnior; o diretor-presidente da Ferroeste, André Gonçalves, pelo presidente da Rumo Logística, João Alberto Abreu.

 

Também avalizaram o acordo o vice-presidente da empresa, Daniel Rockenbach e o secretário de Estado da Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, em solenidade na Associação Comercial e Industrial de Cascavel (Acic), nessa quinta dia 06.

 

De acordo com o Governo, atualmente, a multinacional é responsável pela operação entre Guarapuava e o Porto de Paranaguá.

 

Já a Ferroeste administra o trecho ferroviário entre Cascavel e Guarapuava. Assim, conforme André Gonçalves que é diretor-presidente da Ferroeste, o acordo estabelece uma nova forma de trabalhar a importação e a exportação dos produtos pelo ramal ferroviário. “Até o ano passado, os vagões da Ferroeste eram levados até Guarapuava.

 

Ali se trocavam as locomotivas e vagões, e a Rumo levava até Paranaguá”. Porém, a partir de agora, a Rumo vai fazer esse trajeto pelos trilhos da Ferroeste, “Não vai mais haver essa troca.

 

É uma forma mais rápida e ágil de transportar os produtos”.

 

O DOBRO DA CAPACIDADE

Com o acordo, o volume de produtos transportados na malha que liga Cascavel ao Porto de Paranaguá passará dos atuais de 1,1 milhão de toneladas por ano para cerca de 2 milhões/ano. Dessa forma, o acordo comercial permite que as duas empresas compartilhem cargas que saem da Região Oeste em direção a Paranaguá. Assim, a negociação possibilita à empresa Rumo entrar no trecho da Ferroeste, inclusive com reforço de maquinário.

 

O contrato atende a uma regulação da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). De acordo com o Governo, a operação conjunta deve iniciar no final de fevereiro, para escoar uma safra que promete bater recordes de produtividade. Com apenas uma decisão administrativa, sem custos para o Estado, estamos dobrando a capacidade de carga da Ferroeste até o Porto de Paranaguá.

 

A Rumo pagará à Ferroeste para fazer essa operação, que além de tudo vai atender as nossas cooperativas, que estão em um momento maravilhoso de crescimento. Conforme o presidente da Rumo, João Alberto Abreu, o acordo representa um ganho de eficiência na logística, beneficiando o setor produtivo. “Temos que olhar essa ferrovia como uma única malha e operar de forma completamente integrada, fazendo o escoamento a um custo bem mais competitivo para a Região”. (Com AEN) 

Hashtag:
Suspeita de promover propaganda enganosa para prevenção ao coronavírus é autuada

A Polícia Civil do Paraná autuou a proprietária de uma farmácia na tarde de quinta dia 05. A empresária é suspeita de promover a venda de polivitamínicos sob a promessa de prevenção contra o coronavírus. O estabelecimento fica no Bairro Lamenha, em Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana de Curitiba.

 

A ação aconteceu em parceria com o Procon (Departamento Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor), que repassou à PCPR um vídeo publicado em um canal de propagandas de redes sociais, no qual o estabelecimento faz a oferta de polivitamínicos como solução para o coronavírus.

Ao ser ouvida na delegacia, a proprietária da farmácia alegou que não tinha a intenção de ludibriar ninguém. Segundo ela, semanalmente era divulgada a venda de um produto da drogaria no canal. Disse que resolveu promover a venda do polivitamínico em questão, já que profissionais da saúde frisam que há menos chances de contrair a doença se a imunidade estiver boa.

Diante do fato, a mulher foi autuada por fazer afirmação falsa ou enganosa de produtos ou serviços. A empresária assinou um Terno Circunstanciado e foi liberada.

Entretanto o delegado da PCPR, André Gustavo Feltes, ressalta que se constatada a compra do produto por pessoas que acreditaram na propaganda e foram lesadas financeiramente com isso, as providências a serem tomadas podem ser diferentes. "Isso pode configurar um crime mais grave, que é induzir o consumidor ao erro, uma modalidade de estelionato", finaliza.

GARANTIA PARA O CONSUMIDOR

O Procon Paraná, ao tomar conhecimento da publicidade, além de acionar a PCPR, tomou as medidas administrativas cabíveis determinando a imposição de contrapropaganda, haja vista a constatação da publicidade enganosa, nos termos do rt.37 do Código do Consumidor.

1° É enganosa qualquer modalidade de informação ou comunicação de caráter publicitário, inteira ou parcialmente falsa, ou, por qualquer outro modo, mesmo por omissão, capaz de induzir em erro o consumidor a respeito da natureza, características, qualidade, quantidade, propriedades, origem, preço e quaisquer outros dados sobre produtos e serviços.

O secretário da Justiça, Família e Trabalho do Governo do Paraná, Ney Leprevost, reforça a preocupação em sempre orientar o consumidor para que ele não caia em golpes. "Preservar pelos direitos e pela garantia do consumidor é nosso dever", finaliza.

Suspeita de promover propaganda enganosa em prevenção ao coronavírus é autuada ( Com Polícia Civil). 

Hashtag:
Ratinho Jr diz que se houver garantias é possível avançar em cobrança de ICMS

O governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), durante a entrega de veículos para assistência social em São José dos Pinhais, nesta sexta-feira (7), afirmou que topa cortar o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), porém o governo federal teria que garantir o repasse de recursos ao Estado. O presidente Jair Bolsonaro disse, na última quarta-feira (5), que vai zerar os tributos federais sobre combustíveis se os governadores zerarem o ICMS.

 

Os repasses ao Estado teriam que ser na casa dos quatro a cinco bilhões de reais, explica o governador. “Se o governo federal nos garantir que é possível repassar 4 a 5 bilhões de reais ao Estado para que as coisas não parem, nós topamos fazer esse avanço”, afirmou.

 

Ratinho disse que os brasileiros pagam muitos impostos e que os estados precisam passar por uma modernização tributária. “Todos nós sabemos que os brasileiro pagam muitos impostos. A ideia é que os estados também possam avançar nessa modernização tributária. E eu vejo uma boa vontade do governo federal, agora junto com os deputados federais e os senadores temos que achar uma saída para modernizar essa questão no Brasil”, concluiu.

 

O evento contou com a presença do ministro da cidadania Osmar Terra, da primeira Dama Michele Bolsonaro e da ministra Damares Alves. Foram entregues mais de 200 veículos para 167 municípios do Paraná.(Com Banda B). 

Hashtag:
Segundo Deral, Paraná colheu apenas 4% da área de soja plantada em 2019

A colheita da soja avança no Paraná a passos lentos e agora atinge um total de 4% da área de 5,4 milhões de hectares segundo levantamento semanal do Departamento de Economia Rural (Deral), vinculado à Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento do Paraná (Seab), até o dia 4 de fevereiro.

 

Na mesma época do ano passado os trabalhos estavam em 25%.

 

De acordo com o Deral, 91% das lavouras de soja do estado apresentam boas condições de desenvolvimento, 8% estão em situação média e 1% apresentam um quadro ruim. As lavouras se dividem entre as fases de maturação (26%), frutificação (60%), floração (11%) e crescimento vegetativo (3%).

 

Com isso a estimativa da entidade para a produção final do estado segue positiva, em 2019/2020 pode chegar a 19,711 milhões de toneladas, contra 16,171 milhões de toneladas da safra anterior, com uma alta de 22%. Com a quebra iminente da safra do Rio Grande do Sul, o Paraná retoma a posição de segundo maior produtor do grão do país.

Hashtag:
Capotamento mata um e deixa outro em estado grave na BR 277, em Cascavel

Um homem morreu e outro ficou gravemente ferido em capotamento na madrugada de sábado dia 08, na BR 277, a menos de um quilômetro do Contorno Oeste, em Cascavel.

 

De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), as vítimas eram ocupantes de um Fiat Prêmio e foram ejetadas do veículo.

O acidente aconteceu pouco antes das 5h, no quilômetro 600 da rodovia. Informações apuradas pela PRF dão conta de que o automóvel transitava no sentido Curitiba/Foz do Iguaçu quando o condutor perdeu o controle da direção. O carro saiu da pista, capotou e atravessou o canteiro central, parando na pista contrária.

Acredita-se que os dois ocupantes estavam sem cinto de segurança, já que ambos foram ejetados do veículo. Um dos homens não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Já o outro foi socorrido pela concessionária que administra o trecho e encaminhado em estado grave ao hospital.

Durante atendimento à ocorrência, a pista Foz/Curitiba ficou interditada e o fluxo de veículos precisou ser desviado pelo pátio de um posto de combustíveis. A PRF sinalizou o trecho e fez os levantamentos do acidente. As causas da fatalidade ainda serão apuradas.(Com Catve). 

Hashtag:
Show Rural 2020 recebe 298.910 visitantes

Show Rural 2020 recebeu nestes 05 dias de evento 298.910 visitantes e movimentou R$2,5 bilhões.

 

O evento contou com 650 expositores.

 

"Superamos a meta esperada para a 32ª edição e estamos muito felizes com os resultados”, disse o presidente da Coopavel, Dilvo Grolli.

 

A próxima edição do Show Rural, em 2021, vai acontecer entre os dias 01 e 05 de fevereiro. (Com Assessoria). 

Hashtag:
Campanha Nacional de Vacinação contra o sarampo começa dia 10 no Paraná

A primeira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra o sarampo deste ano começa na próxima segunda-feira (10) e vai até o dia 13 de março. Para iniciar a campanha, o Paraná tem o quantitativo de mais de 1,245 milhão de doses da vacina.
 
 
“O objetivo desta campanha é interromper a circulação do vírus e garantir alta cobertura vacinal no Estado, que hoje está com cerca de 90% para as crianças de um ano quando o ideal seria de 95% em todas as faixas etárias. A vacina é a única forma de proteção e está disponível nas Unidades de Saúde do Paraná”, alerta o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.
 
 
O Paraná acompanha as estratégias definidas pelo Ministério da Saúde (MS), porém, define ações diferenciadas para conter a transmissão do vírus no Estado. A campanha nacional preconiza que nesta primeira etapa seja vacinado o público de cinco a 19 anos, entretanto, analisando os casos de sarampo no Paraná, a faixa etária de 20 a 29 anos é a mais acometida pela doença e, como forma de quebrar a transmissão do vírus, o Estado adota uma campanha contemplando as pessoas de cinco até 59 anos.
 
 
“A maioria dos casos confirmados de sarampo está na faixa etária de 20 a 29 anos, por esse motivo, o Paraná além de antecipar a campanha para este grupo que seria apenas em agosto, também fará a estratégia de vacinação indiscriminada, ou seja, todas as pessoas nessa faixa etária devem procurar as unidades de saúde nesse período de campanha para receber a vacina contra o sarampo”, explicou a chefe da Divisão de Vigilância do Programa de Imunização da Sesa, Vera Rita da Maia.
 
 
Para as demais idades, de cinco a 19 anos e dos 30 aos 59, a vacinação é seletiva. É necessário levar o comprovante vacinal para verificação do esquema, pela unidade de saúde, pois somente será imunizada a pessoa que nunca recebeu a dose ou que esteja com o esquema vacinal incompleto. (Com AEN)
 
 
 
Hashtag:
Jovem goleiro de Honório Serpa assina contrato com o Corinthians até 2023

Aos 16 anos e 1,90 m, o goleiro Ronald Thiago de Abreu deu um importante passo na carreira: assinou contrato com o Corinthians até 2023. Nascido em Honório Serpa, ele passou por escolinhas de base da região até chegar ao sub-17 do Juventude em julho de 2018. O jovem chamou atenção de um olheiro e o clube paulista acertou seu empréstimo.

 


Ronald iniciou seus treinos de futebol por volta dos 12 anos, na Escolinha Genoma Colorado, em Honório Serpa; depois passou pela mesma franquia em Coronel Vivida. Desde 2018 no Juventude, ele disputou o Campeonato do Sesc, Serrano, Municipal e o Gauchão, do qual foi vice-campeão.


No Corinthians, Ronald integra a equipe sub-17, mas já treinou com o sub-20 e o profissional. “A minha chegada foi muito boa, cheguei com muitas expectativas e muita esperança. A expectativa para este ano é que eu consiga evoluir o máximo possível, jogar bem e, se Deus quiser, conseguir uma convocação para a seleção”, afirmou o goleiro. (Com Diário Reservense)

 

 

 

Hashtag: