Laranjeiras - Mestrados do Campus divulgam seleção para disciplinas isoladas

A Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) publicou, nesta semana, os Editais Nº 670/GR/UFFS/2019 e Nº 671/GR/UFFS/2019, referentes aos processos seletivos para admissão de alunos às vagas em disciplinas isoladas nos cursos de Mestrado dos Programas de Pós-graduação em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável (PPGADR) e em Ciência e Tecnologia em Alimentos (PPGCTAL), ofertados no Campus Laranjeiras do Sul. Os cursos são gratuitos e as vagas são para ingresso no segundo semestre de 2019.

 

Cursos e Vagas


Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável
São ofertadas até 10 vagas divididas entre as seguintes disciplinas:
- Aquicultura Agroecológica, até 5 vagas;
- Sistemas Agrossilvipastoris, até 5 vagas.
O Edital do processo seletivo é o Nº 671/GR/UFFS/2019.

 

Mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos
São ofertadas até 30 vagas divididas entre as seguintes disciplinas:
- Biodisponibilidade e Metabolismo de Substâncias Bioativas, até 10 vagas;
- Desenvolvimento de Novos Produtos, até 10 vagas;
- Tópicos Especiais em Ciência e Tecnologia de Alimentos II, até 10 vagas.
O Edital do processo seletivo é o Nº 670/GR/UFFS/2019.

 

Inscrições

 

As inscrições, gratuitas, poderão ser realizadas pessoalmente ou por meio de procuração simples entre os dias 29 e 30de julho de 2019, das 8h30 às 11h30 ou das 13h30 às 16h30, na Secretaria de Pós-Graduação, localizada na sala 232 do Bloco Docente/Administrativo do Campus Laranjeiras do Sul, situado na BR 158, km 405 em Laranjeiras do Sul.

 

Os documentos necessários para inscrição estão relacionados nos editais.

 

O resultado da seleção será divulgado a partir do dia 5 de agosto. Os candidatos selecionados deverão efetuar a matrícula entre os dias 7 e 9 de agosto, das 8h30 às 11h30 ou das 13h30 às 16h30, na Secretaria de Pós-Graduação do Campus Laranjeiras do Sul.

 

Mais informações podem ser obtidas diretamente na Secretaria de Pós-Graduação, localizada na sala 232 do Bloco Docente/Administrativo, ou no telefone (42) 3635-0014.

 

 

 

Laranjeiras - Município participa das ações de Combate ao Feminicídio

Em 27 municípios paranaenses esta segunda dia 22, foi dedicada a ações de combate ao feminicídio. A data, implantada no calendário do Estado através da Lei 19.873/2019, é de autoria da deputada estadual Cristina Silvestri. Laranjeiras do Sul é um dos municípios que integram a mobilização estadual.

 

Em Laranjeiras do Sul, as atividades foram organizadas pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Segurança da Família, Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) e Conselho Municipal dos Direitos da Mulher. As atividades envolvem a divulgação de serviços de auxílio para mulheres vítimas de violência, panfletagem com materiais de conscientização e rodas de debate.

 

FEMINICIDIO

 

No Paraná, indicadores mostram um aumento no número de feminicídios nos últimos anos. De acordo com balanço da Secretaria de Segurança Pública e da Administração Penitenciária do Estado (SESP-PR) em 2017, foram registrados 41 feminicídios. Já em 2018, ocorreram 61 casos.

 

Um outro levantamento mostra que foram instaurados pelo Ministério Público Estadual (MP-PR), de 2015 até março deste ano, 693 inquéritos policiais. Todos foram instaurados para investigar feminicídios. Destes, foram oferecidas 592 denúncias criminais ligadas a esse tipo de crime. Os dados são do Sistema Pro-MR, do MP-PR, levantados pelo Núcleo de Promoção de Igualdade de Gênero. Só em Curitiba, no mesmo período, foram 73 inquéritos abertos e 56 denúncias apresentadas.

 

CINCO TIPOS DE VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER


FÍSICA: Agressão física que pode ou não deixar marcas, como empurrões, chutes, tapas, socos, puxão de cabelos, arremesso de objetos com a intenção de machucar, sacudir ou segurar com força, cortar, queimar.

 

SEXUAL: Quando a vítima é obrigada a presenciar, manter ou participar de relação sexual ou contato físico não desejado, por meio de intimidação, ameaça ou uso da força. Também acontece quando ela é forçada ao matrimônio, à gravidez, ao aborto, à prostituição, a participar de pornografia ou é impedida de usar qualquer método para evitar a gravidez.

 

PSICOLÓGICA: Ação que causa dano emocional, diminuição da autoestima ou que impeça o direito de fazer as próprias escolhas. Atitudes como ameaçar, humilhar, perseguir, chantagear, constranger, controlar o que a mulher faz, não deixá-la sair, isolar sua família e amigos, procurar mensagens no celular ou e-mail.

 

PATRIMONIAL: Quando há retenção, furto, destruição de bens materiais ou objetos pessoais da vítima, como instrumentos de trabalho, documentos e roupas, controlar ou tirar dinheiro contra a sua vontade.

 

MORAL: Depreciar a imagem e a honra da vítima por meio de calúnia, difamação e injúria, como espalhar boatos e falsas acusações. Essa violência também pode ocorrer pela internet. Um exemplo é vazar fotos íntimas nas redes sociais como forma de vingança.

 

 

 

Laranjeiras - Equipes representam o município nos Jogos da Juventude do Paraná em São Mateus do Sul

A Fase Regional dos 32º Jogos da Juventude do Paraná (JOJUPS) acontece de 22 a 28 de julho em São Mateus do Sul. O evento começa nesta segunda-feira, 22, com o cerimonial de abertura e desfile das delegações e segue até o próximo domingo, dia 28. Laranjeiras do Sul vai ser representada com as equipes de Basquetebol masculino, Futebol masculino, Voleibol masculino, Handebol masculino e Futsal masculino e feminino. O município levará em torno de 100 pessoas entre atletas e dirigentes.

 

Nos Jogos da Juventude participam atletas nascidos de 2002 a 2004. Já as modalidades de Basquetebol, Futebol, Futsal, Handebol e Voleibol podem utilizar até dois atletas nascidos entre 2005/2006.

 

O voleibol masculino, contará com seis equipes divididas em dois grupos com três equipes. Laranjeiras do Sul está no grupo “B” ao lado de Guarapuava e Mallet.

 

O Handebol masculino, somente quatro equipes, em grupo único: Laranjeiras do Sul, Guarapuava, Rebouças e Candoi.

 

Futsal masculino, 14 equipes divididas em quatro grupos. Laranjeiras do Sul está no grupo “D” juntamente com Pinhão, Mallet e Irati.

 

Futsal feminino, 12 equipes divididas em quatro grupos. Laranjeiras do Sul está no grupo “B” juntamente com Mallet e Antônio Olinto.

 

Futebol masculino, oito equipes divididas em dois grupos. Laranjeiras do Sul está no grupo “B”, juntamente com Cantagalo, União da Vitória e Guarapuava.

 

Basquetebol masculino grupo único com cinco equipes: Laranjeiras do Sul, São Mateus do Sul, Irati, Guarapuava e Bituruna.

 

JOGOS


BASQUETEBOL MASCULINO
Dia: 23/07
16h00 – Laranjeiras do Sul x Irati
Dia: 24/07
19h00 – Laranjeiras do Sul x São Mateus do Sul
Dia: 26/07
16h00 – Laranjeiras do Sul x Bituruna
Dia: 27/07
14h00 – Laranjeiras do Sul x Guarapuava

FUTEBOL
Dia: 23/07
10h00 – Laranjeiras do Sul x União da Vitória
Dia: 24/07
15h00 – Laranjeiras do Sul x Cantagalo
Dia: 25/07
10h00 – Laranjeiras do Sul x Guarapuava

FUTSAL FEMININO
Dia: 23/07
13h00 – Laranjeiras do Sul x Antônio Olinto
Dia: 24/07
13h00 – Laranjeiras do Sul x Mallet

FUTSAL MASCULINO
Dia: 23/07
17h00 – Laranjeiras do Sul x Irati
Dia: 24/07
17h00 – Laranjeiras do Sul x Mallet
Dia: 25/07
14h30 – Laranjeiras do Sul x Pinhão

HANDEBOL MASCULINO
Dia: 23/07
11h00 – Laranjeiras do Sul x Rebouças
Dia: 24/07
10h00 – Laranjeiras do Sul x Guarapuava
Dia: 25/07
10h00 – Laranjeiras do Sul x Candoi

VOLEIBOL MASCULINO
Dia: 23/07
15h00 – Laranjeiras do Sul x Guarapuava
Dia: 24/07
15h00 – Laranjeiras do Sul x Mallet

 

 

 

 

Laranjeiras - Secretaria de Saúde entrega óculos a pacientes com problemas oftalmológicos

Ter um atendimento oftalmológico de qualidade e ainda escolher a armação dos óculos também é possível para os usuários do SUS (Sistema Único de Saúde) em Laranjeiras do Sul, através do Programa Olho Vivo, da Secretaria de Saúde. A iniciativa oferece à população maior qualidade no tratamento de oftalmológico que contemplou nesta sexta-feira, 19, quarenta e sete pacientes, entre adultos e crianças, receberam seus óculos gratuitamente.

 

A entrega foi realizada no Auditório da APAE e contou com a presença do prefeito Berto Silva, do vice-prefeito e Secretário de Saúde, Valdemir Scarpari, vereadores, imprensa, além de profissionais da Secretaria de Saúde. De 2018 até a entrega desta sexta-feira, 278 laranjeirenses foram contemplados com os óculos, sendo 139 aparelhos entregues em 2017 e o mesmo número até o mês de julho de 2019.

 

De acordo com o secretário de Saúde, Valdemir Scarpari, os pacientes passam por consulta com um médico oftalmologista cadastrado pelo SUS. Com a receita das lentes em mãos, comparecem até a Ótica fornecedora do material para escolher o modelo da sua preferência, como se estivesse comprando o produto com seus próprios recursos. “Os valores dos óculos fornecidos pelo programa oscilam de R$ 195 a R$ 224, dependendo da intensidade de grau das lentes prescritas pelo médico. Os benefícios são muito grandes para as pessoas que recebem, é qualidade de vida enxergar bem”, disse Scarpari.

 

“Em apenas um ano após a reativação do programa, mais de 280 óculos foram entregues aos laranjeirenses. “Estamos avançando cada vez mais, pois este, é um gesto de amor e de solidariedade que a prefeitura faz. É um programa que não é barato, mas que a gente faz com amor, com devoção e com carinho, priorizando as crianças em idade escolar, mas atendendo também todas as pessoas que precisam. Sem o aparelho, a criança não consegue estudar, o adulto não consegue trabalhar e um ancião não consegue enxergar o colorido da vida”, afirmou o prefeito Berto Silva.

 

Para participar do Programa Municipal é necessário ter o cadastro atualizado na Unidade Básica de Saúde mais próxima à residência, solicitar uma consulta com um oftalmologista da rede pública de saúde e possuir a receita médica. Posteriormente o paciente deverá comparecer a Secretaria de Saúde portando a receita médica, documentos pessoais (RG e CPF), cartão SUS e comprovante de residência.

 

 

 

 

Laranjeiras - Nenhuma Mulher a Menos, é tema do Dia do Combate ao Feminicídio

Sancionado por Lei (19.873/2019), o dia 22 de julho foi instaurado como o Dia Estadual do Combate ao Feminicídio no Paraná. A ação é uma lembrança ao dia da morte da advogada guarapuavana, Tatiane Spitzner, que repercutiu no Brasil e no mundo em 2018, provocando intensos debates sobre feminicídio e a luta pela vida das mulheres.

 

A data também será lembrada em Laranjeiras do Sul, com a distribuição de panfletos, em pontos estratégicos, com a frase tema da campanha “Nenhuma Mulher a Menos”. A ação está sendo coordenada pela prefeitura com a participação da Secretaria de Assistência Social e Segurança da Família, Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e Conselho Municipal dos Direitos da Mulher.

 

Feminicídio é o assassinato cometido contra mulheres, motivado por violência doméstica ou discriminação de gênero. A escolha da data se deve em virtude ao dia da morte de Tatiane Spitzner, em 2018, sendo o marido, Luis Felipe Manvailer, o principal acusado do crime. No período de maio de 2018 a maio deste ano, de acordo com o Centro de Análise, Planejamento e Estatística (Cape), o Estado registrou 82 casos de feminicídios.