Pesquisadores brasileiros criam leite materno em pó

Pesquisadores da Universidade Estadual de Maringá (UEM), no Paraná, venceram o Prêmio Péter Murányi, que reconhece trabalhos que melhoram a qualidade de vida da população. A equipe foi premiada na categoria alimentação após desenvolverem leite materno em pó, tática que pode se tornar uma excelente alternativa para os bancos de leite humano.

 

O professor Jesuí Vergílio Visentainer e a nutricionista Vanessa Javera foram os responsáveis pelo desenvolvimento da técnica, que consiste em desidratar e "secar" o leite, usando uma técnica de secagem por pulverização chamada "spray drying".

 

De acordo com a análise feita pelos pesquisadores, os níveis dos nutrientes no leite em pó se mantiveram estáveis em comparação ao leite líquido, não prejudicando a saúde e desenvolvimento dos bebês.

 

A descoberta traz uma série de benefícios:


Facilidade no armazenamento e transporte
Aumento da distribuição
Diminuição de gastos para conservação
Tempo de validade mais amplo
Menor chance de contaminação por bactérias
Como funciona a doação de leite materno?
Os Bancos de Leite Humano (BLHs) são responsáveis por coletar, processar e distribuir leite humano a bebês prematuros e bebês de baixo peso.

 

Há 219 BLHs e 196 postos de coleta por todo o país. Uma parcela deles até busca o leite doado em casa. Encontre o banco de leite mais próximo da sua casa.

 

Para doar, é preciso tomar alguns cuidados quando for coletar e armazenar. Entenda o passo a passo para a doação de leite materno. (Com Minha Vida)

 

 

 

Hashtag: |
7 dicas de como introduzir o néon no seu Carnaval

Presentes nas fantasias, acessórios e makes, as cores fluorescentes são tendência neste ano.

 

O esquenta para o Carnaval 2020 já começou e muitos foliões têm investido pesado em fantasias, passos e disposição para percorrer os bloquinhos de rua, pular atrás dos trios elétricos, curtir os bailes e desfilar no sambódromo. Uma das principais tendências do verão deste ano é o uso de qualquer acessório néon para ajudar a compor o look. Mas você sabe como usar esse tipo de cor?

 

Mesmo quem é tímido e não gosta de chamar a atenção pode tirar proveito das cores fluorescentes e fazer bonito no Carnaval.

 

Fluorescente

 

Confira como usar as cores brilhantes da moda na folia deste ano:


Fantasia inteira


Se a ideia é atrair olhares e elogios na folia, aposte em fantasias que usem a tendência néon em suas diferentes tonalidades: rosa, verde, amarelo, laranja e até azul.

 

Algumas opções disponíveis são body e saia de tule para elas; monoquíni — como o do personagem Borat, de Sacha Baron Cohen — para os mais desinibidos; macacão, bermuda e sunga para eles.

 

Escolha a fantasia e o local em que será desfilada, e aposte na tendência da cabeça aos pés!


Detalhes que contam


Se a ideia é destacar apenas uma parte do corpo ou curtir o néon sem muita atenção, então, vale a pena apostar em detalhes com a tendência.

 

Nessas horas, os acessórios vêm com força total, principalmente nos pés: sapatos, sandálias e tênis confortáveis já são encontrados nas cores fluorescentes. Para dar apenas um toque de cor, pode-se ainda optar por fitas e cadarços chamativos.

 

No make


A maquiagem carnavalesca é sempre um destaque à parte, e os tons de néon fazem bonito, principalmente na pintura dos olhos. Sombras e delineadores fluorescentes conquistam cada vez mais adeptos, assim como os cílios postiços decorados com detalhes nessas cores iluminadas.

 

A dica para não exagerar é sempre priorizar uma parte do rosto para atrair mais atenção: se o make dos olhos for mais excêntrico, então, a boca deve ser nude ou bem discreta. Se a boca for colorida com um tom néon, então, os olhos devem levar make básica.

 

Outro aliado para dar um glamour a mais, o glitter ajuda a finalizar a produção.


Nas unhas


Esmaltes fluo, que brilham no escuro e se destacam na luz negra, chegam com tudo para mãos e pés.

 

O cosmético pode ser usado em toda a unha, em francesinha estilizada, filha única ou mesmo em desenhos de nail art, combinando com a fantasia escolhida para o Carnaval.


Tiracolo


Antes de sair de casa para curtir a folia, é preciso pensar em como carregar documentos, cartões, dinheiro e outros itens de forma segura. Uma bolsa — ou pochete — pode ser a escolha e, se for em cor néon, além de destacar e valorizar o look, ainda pode proteger você da ação de ladrões, justamente por ser um objeto chamativo.

 

De qualquer forma, sempre é bom manter todo o cuidado possível, e não se descuidar dos acessórios.


Tudo joia?

 

Colares, brincos, anéis e pulseiras fluorescentes também valorizam a fantasia e complementam o look dos foliões.

 

Outros acessórios


Dependendo de onde a pessoa vai curtir o Carnaval, pode-se lançar mão de peças funcionais e indispensáveis, como chapéu e óculos escuros — para quem vai pular atrás do trio durante o dia ou seguir bloquinhos sob o sol —, e que também são encontrados nas cores néon.

 

Outra forma de complementar a fantasia é por meio de tiaras, faixas de cabelo, máscaras carnavalescas e, claro, as plumas.

 

Seja onde for, neste Carnaval, dá para incluir o néon em praticamente todas as situações e a qualquer hora do dia ou noite. Inspire-se e divirta-se!

 

 

 

Hashtag:
6 influencers digitais brasileiros que também são coaches

Por meio de exemplos, entenda como e onde esses dois mundos se encontram.

 

Duas novas profissões se consolidaram no mercado: a de digital influencers e de coaches. Em um contexto que combina empreendedorismo com mercado criativo, essas duas profissões iniciam, assim, a nova década a todo vapor, com cada vez mais expertise e adeptos. Mas o que é cada uma delas?

 

Enquanto os primeiros são aquelas pessoas que adoramos seguir nas redes sociais e plataformas de vídeo, para que nos ajudem com referências e dicas de produtos, estilo e comportamento, os coaches são aqueles profissionais que estudam para nos ajudar a traçar um plano de metas a fim de atingir um resultado. No segundo caso, não basta apenas ter conhecimento sobre coaching, tem que ser certificado.

 

O que essas duas profissões têm, então, em comum? Ambos usam a própria experiência para ajudar as pessoas. Por isso, é cada vez mais comum encontrarmos profissionais que acumulam as duas funções.

 

Separamos alguns exemplos de personalidades que unem os dois âmbitos profissionais. Confira!

 

Rafa Brites


Com quase 2 milhões de seguidores no Instagram e um vasto currículo na TV, Rafa Brites é uma antiga conhecida do público brasileiro. No Insta, ela dá dicas de beleza, saúde e fitness. Frequentemente fechando parcerias com marcas com as quais acredita, ela se define como “influencer de jornadas”, focada no público feminino.

 

Com formação em coach, nos Estados Unidos; Self Management Leadership, na França; Programação Neurolinguística (PNL), em São Paulo, e pronta para iniciar sua pós-graduação em neurociência, Rafa comanda o projeto Transformando Sonhos em Realidade. O objetivo do projeto, segundo a própria Brites, é deixar as mulheres mais perto dos seus sonhos.

 

Para isso, ela utiliza tanto as plataformas de suas redes sociais quanto seu curso on-line e palestras. É a combinação perfeita entre influencer e coach.

 

Mayra Cardi


Ex-participante da edição de 2009 do reality show Big Brother Brasil, Mayra Cardi é, hoje em dia, uma digital influencer, e, mais recentemente, coach financeira e fitness. Com uma lista de clientes que vai de Anitta a Larissa Manoela, Cardi também oferece cursos e palestras em torno de suas duas principais áreas de atuação e interesse.

 

Adriana Sant’Anna


Outra ex-BBB que também é influencer e coach é Adriana Sant’Anna. Com quase 5 milhões de seguidores no Instagram, Sant’Anna produz conteúdo para redes sociais focado em motivação. Seu livro, também motivacional, Nunca foi Sorte chegou a esgotar diversas vezes em muitas livrarias do país.

 

Na publicação, Adriana apresenta as ferramentas das quais ela mesmo utilizou e ainda utiliza para atingir seus objetivos. Traçando uma jornada inspiradora que é, ao mesmo tempo, autoral e filosófica, Sant’Anna busca tecer os caminhos para um sucesso pleno e, assim, ajudar a todos aqueles que precisam de apoio para se sentir mais motivados.

 

Bella Falconi


Mestre em nutrição, a influencer e life coach Bella Falconi compartilha com sua audiência de mais de 4 milhões de seguidores no Instagram dicas de saúde, bem-estar e academia. Com palestras e atendimento pessoal focados em desenvolvimento pessoal, Falconi é embaixadora da ideia de que todos podem ser o que quiserem.

 

Kashira Whiteley


Não é só no Brasil que as profissões de digital influencer e coach se encontram. A britânica Kashira Whiteley é uma das sensações internacionais que combinam as duas práticas. Tanto nas redes sociais quanto em suas palestras motivacionais, Kashira foca em empoderamento feminino e feminismo interseccional.

 

Leo Andrade


Parte de uma geração digital chamada de microinfluencers — pessoas com 10 mil a 50 mil seguidores —, Leo Andrade chamou atenção nas redes ao documentar sua rotina de emagrecimento. Hoje, ele também mantém um canal no YouTube e, recentemente, começou atendimentos como coach para aqueles que desejam alcançar os mesmos objetivos que ele tinha há alguns anos.

 

 

Hashtag:
5 maneiras de deixar a parede da sua cama com a sua cara

O mais importante, no final das contas, é que você se sinta bem nesse ambiente.

 

Para muitos de nós, o quarto é o melhor lugar da casa. E não é para menos, já que, muitas vezes, este acaba sendo o espaço onde ficamos por mais tempo. E nada como ter um ambiente agradável, onde podemos descansar e relaxar depois de um dia corrido.

 

Um dos aspectos que influenciam nessa sensação é a cor do lugar. Cores mais claras tendem a trazer uma impressão de maior tranquilidade. O que não significa, porém, que você tenha que permanecer na monotonia de uma única cor ao escolher a pintura do seu quarto.

 

Inclusive, para além de algumas tintas e tipos de pintura específicos, outra sugestão é o uso de papéis de parede. Dessa forma, você acaba deixando seu quarto mais personalizado, sem perder a sensação de tranquilidade tão desejada.


Cores claras


A opção por paredes de cores claras dentro de um ambiente como o quarto é, quase sempre, a mais indicada. Isso porque esse tipo de cor traz uma sensação de serenidade, enquanto tons mais fortes, como o vermelho, amarelo-gema e azul escuro, acabam por elevar a energia do espaço.

 

Por conta disso, os tons mais claros e pastéis, a exemplo do rosa, azul e amarelo, são os mais indicados.

 

Além disso, é preciso lembrar que é mais provável se sentir incomodado estando em ambientes com cores muito fortes, já que elas despertam sensações mais inquietantes. Outro risco que se tem quando se opta por cores mais escuras, é de enjoar da pintura e querer fazer tudo de novo.

 

Então, na hora de pintar sua casa e, principalmente, seu quarto, opte por colorações mais claras e, de preferência, mais neutras. Dessa forma, você pode colocar uma pintura mais forte em uma única parede, por exemplo, dando uma diferenciada em relação ao resto do ambiente.


Personalizando o quarto

 

Antes de comprar as tintas ou papéis de parede, a primeira coisa a ser feita é ter em mente como será o quarto. Se você tiver a oportunidade de contratar um arquiteto ou designer de interiores, melhor ainda. Mas caso contrário, tente imaginar como vai ser o seu novo espaço antes de “pôr a mão nas tintas”.

 

Você tem um estilo mais clássico ou mais despojado? Quais as cores dos seus móveis? Quais cores e estampas vão combinar com aquilo que você já tem? É possível fazer a pintura de uma cor diferenciada em uma única parede ou você prefere aplicar papel de parede em todo o quarto? Quais suas cores preferidas?

 

Todas essas perguntas devem ser respondidas antes de começar a obra, para depois não se arrepender do que já foi feito.


Disposição dos móveis conforme outros elementos

 

Se você já sabe o que vai querer em relação às cores, por exemplo, o próximo passo é imaginar como o quarto ficará depois que os móveis estiverem devidamente dispostos.

 

Isso porque, por exemplo, você pode querer ter uma parede de uma cor mais viva, mas, se essa for a parede onde o guarda-roupa vai estar encostado, talvez você perca parte dessa visão. O mesmo vale para o uso de um papel de parede ou uma pintura texturizada.

 

O mais importante é ter em mente onde cada coisa terá que ficar e quanto ela vai tapar a parede, de forma a não impedir a sua visão.


Sugestões de pintura


Cores monocromáticas


Existem várias formas de pintar a parede da sua cama, bem como o restante do quarto. Uma delas é optando pelo uso de tons monocromáticos, como branco, cinza, azul, rosa ou salmão claros.

 

Caso essa seja a sua escolha, opte por cores mais neutras e das quais você mais goste, para não correr o risco de enjoar.


Degradê


Outra opção super estilosa é optar por uma pintura em degradê. Dessa forma, é possível ir diminuindo ou aumentando nos tons possíveis: clareando ou escurecendo a região pintada.

 

Dá para investir em cores como o lilás, o salmão e até um vermelho mais fechado, desde que ele vá perdendo a sua tonalidade inicial forte.


Pintura geométrica


Para quem gosta de arriscar e, além disso, tem um quê de moderno, vale a pena investir nas chamadas pinturas geométricas. Dessa forma, você consegue reunir círculos e triângulos em um mesmo ambiente, sem perder a graça do local.

 

Papel de parede


Por último, mas não menos importante, temos o papel de parede. Ele pode ser usado em todos os cômodos da casa, bem como ser aplicado em apenas uma das paredes do quarto. Com certeza, vai dar um ar todo diferenciado ao local.

 

 

 

Hashtag:
Pulgas: como erradicar o problema e assegurar a boa saúde do seu cão

Além de tratar o pet, muitas vezes, também é preciso descontaminar o ambiente.

 

Começa com uma coceirinha persistente. Quando o tutor percebe, o pet está toda hora manifestando o incômodo e, ao afastar os pelos dele, elas estão lá, fazendo a festa: as pulgas.

 

Esses pequenos insetos podem comprometer a saúde do cachorro, causando dermatites, infecções, inflamações e outros males e, por isso, precisam ser combatidos.

 

Há diversas opções no mercado para o tratamento e o combate às pulgas, mas poucos tutores sabem que também é preciso cuidar do local em que o pet fica para dar fim à infestação.


Escondidinhas


As pulgas são bem pequenas e muito ágeis. Uma vez dentro de casa, elas conseguem se esconder nos mais variados lugares e acaba sendo difícil localizá-las antes de uma picada ou de uma grande infestação.

 

Carpetes, tapetes, almofadas, cantinhos de sofá, o espaço entre o colchão e o pillow top... todos são ambientes propícios para a proliferação das pulgas.

 

Para quem mora em casa, o quintal também precisa ser checado. O acúmulo de produtos, vasos de plantas e folhas caídas, por exemplo, forma esconderijos para esses pequenos animais e facilita seu contato com o cachorro.


Limpeza pesada


Manter o ambiente limpo e organizado é uma das formas de evitar que as pulgas tomem conta do local.

 

Dentro de casa, o aspirador de pó é o grande parceiro para remover sujeiras e até os insetos que estão mais escondidinhos. O ideal é passar o aparelho ao menos uma vez por semana, incluindo a caminha do pet.


Veneno


O médico-veterinário de confiança pode indicar o produto mais adequado para ser usado em ambientes internos e externos. Jamais adquira um veneno sem a correta orientação profissional, sob o risco de colocar a vida do pet e de toda a família em perigo.

 

Os produtos para áreas interna e externa são diferentes e deve-se seguir as orientações do fabricante para fazer a aplicação. Alguns demandam até que o pet não esteja no local.

 

Há ainda repelentes — alguns até naturais — que também podem ser usados, mas não têm grande eficácia em caso de uma infestação, já que esses produtos são feitos especialmente para prevenção.

 

O cantinho do pet


Esse é um local muito importante para o controle e combate às pulgas. Se o bichinho fica em um canil ou uma casinha, saiba que o espaço deve ser higienizado diariamente — de preferência com o uso de desinfetante.

 

Para aqueles que vivem dentro de casa, a caminha ou cobertorzinho também precisam ser higienizados com frequência para eliminar possíveis ovos de pulgas presos nas fibras dos tecidos.

 

Meu cachorro está com pulga, e agora?

 


Primeiro saiba que não é o fim do mundo. Cães que passeiam na rua ou que têm contato com quem vem da rua podem pegar pulgas, carrapatos e parasitas, e os médicos-veterinários estão acostumados com esses diagnósticos. Não significa que você descuidou da higiene ou do cuidado com seu amigo.

 

Assim como não devemos nos automedicar, sob o risco de sofrermos efeitos colaterais, o mesmo vale para o animal de estimação. Mesmo que o shampoo antipulgas tenha realizado um ótimo efeito no pet da vizinha, não necessariamente é o mais indicado para o seu cãozinho.

 

Uma consulta com o médico-veterinário vai ajudar a avaliar o tamanho da infestação e qual a melhor abordagem a ser seguida. Alguns pets têm seu problema resolvido com talcos e shampoos, outros demandam o uso de medicamentos tópicos, e há infestações tão grandes que podem requerer até medicação oral.

 

 

 

Hashtag:
Receita: bolo de cenoura fit com cobertura de iogurte grego

É difícil resistir a uma deliciosa sobremesa, principalmente se ela for um saboroso bolo de cenoura. Para quem adora o doce e quer economizar nas calorias, o Minha Vida ensina a fazer uma receita de bolo de cenoura fit com cobertura de iogurte grego da Freelitcs. Confira:

 

Bolo de cenoura


Ingredientes

 

1 e ½ xícara de farinha de amêndoas
1 colher de chá de noz-moscada moída
1/8 de colher de chá de sal
¼ de copo de óleo de coco derretido
2/3 de copo de xarope de bordo (maple syrup)
½ xícara de iogurte grego natural
1/3 de copo de leite de amêndoa sem açúcar
½ xícara de uvas passas
2 colheres de sopa de bicarbonato de sódio
¼ de colher de chá de gengibre em pó
2 ovos grandes
1 colher de chá de extrato de baunilha
2 xícaras de cenouras raladas


Modo de preparo:


Pré-aqueça o forno a 175°C. Depois, unte uma assadeira retangular com óleo de coco. Em uma tigela, misture a farinha, o bicarbonato de sódio, a noz-moscada e o gengibre. Guarde a mistura.

 

Separe uma segunda tigela e despeje os ovos, o óleo de coco, o extrato de baunilha, o xarope de bordo, o iogurte grego e o leite de amêndoas. Bata tudo e adicione à primeira tigela, mexendo lentamente. Assim que fizer isso, adicione as cenouras e as passas.

 

Coloque a mistura na assadeira e leve ao forno por 20 a 25 minutos. Deixe esfriar em temperatura ambiente para então adicionar a cobertura.

 

Cobertura de iogurte


Ingredientes

 

1 e ½ xícara de iogurte grego natural
2 colheres de sopa de xarope de bordo (maple syrup)
1 colher de chá de extrato de baunilha.


Modo de preparo


Em um recipiente de sua preferência, bata o iogurte grego com o xarope de bordo e o extrato de baunilha. Espalhe sobre o bolo frio e deixe descansar por um período de 1 a 2 horas antes de servir. (Com Minha Vida)

 

 

 

Hashtag:
Tire suas dúvidas sobre os aceleradores de pontos nos cartões de crédito

Entenda de vez como funcionam os aceleradores de pontos nos cartões de crédito


Hoje em dia, os bancos e instituições financeiras oferecem diversos serviços, que vão muito além de cartões, empréstimos, investimento e consórcio. Como grande exemplo, é possível perceber que os melhores cartões de crédito determinados pelos consumidores são aqueles que concedem muitas vantagens.

 

A mais popular entre elas, com certeza, é ter um bom programa de pontos. Atualmente é praticamente impossível um banco manter a fidelidade dos seus clientes sem um excelente programa de pontos e bônus. Por ser tão popular, muitas instituições estão oferecendo outras formas de acumulá-los.


O que é um programa de pontos


De uns anos para cá os programas de fidelidade se popularizaram ao redor do mundo e, principalmente, no Brasil. Através de compras realizadas com cartões de crédito, cada banco oferece um programa específico de acúmulo de pontos.

 

Ou seja, ocorre uma certa fidelização do cliente, visto que é mais vantajoso reunir seus pontos em uma instituição só, para que assim a troca por produtos ou serviços seja mais prática.

 

Dessa forma, os pontos adquiridos podem ser trocados por eletrodomésticos, passagens aéreas, pacotes de viagens e até mesmo descontos em lojas e hotéis. A pontuação de cada cliente varia de acordo com as compras realizadas, com a taxa de conversão de cada banco e com o tipo de cartão de crédito.

 

Em algumas instituições o parâmetro é para cada dólar americano gasto, um ponto, entretanto, já existem bancos que fazem a conversão a partir de valores em reais. Não é necessário comprar em dólar, a conversão ocorre com base na cotação da moeda na data do fechamento da fatura.

 

Como funcionam os aceleradores de pontos


Por ter se tornado um verdadeiro sucesso entre os clientes, os bancos se viram forçados a inovar no acúmulo de pontos e oferecer novas formas de pontuar mais. Muitas pessoas contam com os pontos acumulados no cartão de crédito para realizar algumas atividades, como uma viagem, por exemplo.

 

Dessa forma, o número de clientes interessados em aumentar a pontuação é grande. Assim, os aceleradores de pontos foram implementados por algumas instituições para suprir a necessidade que surgiu.


Como dobrar a pontuação


Atualmente, em alguns programas, já é possível acumular até o dobro de pontos, por exemplo. Para oferecer essa vantagem aos seus clientes, os bancos precisam cobrar de outras formas. Se alguém está interessado em dobrar sua pontuação, é cobrada uma taxa que pode variar de 2% a 4% sobre a sua fatura.

 

Outra forma de dobrar a pontuação é através do programa fidelidade. Nos cartões internacionais Itaucard, por exemplo, todos os clientes que participam do programa fidelidade também participam do Acelerador de Pontos automaticamente.


Vantagens


A vantagem que mais salta aos olhos dos consumidores focados em acumular pontos é a rápida possibilidade de juntar milhas.

 

Reunir milhas e trocar por passagens aéreas se tornou muito mais prático após o surgimento dos programas de pontos. Hoje em dia não é mais necessário viajar para acumular milhas graças a esse tipo de vantagem oferecida pelos cartões de crédito.

 

Outro benefício é a sensação de ver o seu dinheiro rendendo mais - e ele rende de fato! É impressionante parar para pensar que, através de compras - uma atividade onde você perde dinheiro - é possível ganhar pontos que poderão ser trocados por outros itens.

 

Ou seja, com o valor gasto em uma máquina de lavar roupas, por exemplo, é possível adquirir outros produtos ou descontos graças ao programa de pontos.

 

Desvantagens


A principal desvantagem de um programa acelerador de pontos é o custo que ele tem. Na maioria dos cartões de crédito, o programa de pontos já faz parte das vantagens oferecidas pelo banco e não é necessário pagar uma taxa a mais para usufruir do mesmo.

 

Dessa forma, dobrar o número de pontos é uma tarefa dispendiosa, que só pode ser atingida após um gasto extra mensal, além da anuidade do cartão. É preciso colocar na ponta do lápis os custos a mais e ver se realmente vale a pena dentro do planejamento financeiro de cada um.

 

O acelerador de pontos é tida por muitos como uma estratégia de curto prazo, em momentos onde faltam poucos pontos para trocar por uma passagem de avião. Também existem casos onde o acelerador realmente vale a pena, pois não é um peso no orçamento e o consumidor sabe usar os pontos da maneira mais vantajosa.

 

Luisa Sonza e Whindersson Nunes enfrentam crise e casamento está por um fio

 

Quem se acostumou a ver Luisa Sonza e Whindersson Nunes o tempo todo grudados, postando vídeos e fotos no Instagram, começou a estranhar um certo distanciamento entre os dois. O que acontece é que eles estão vivendo uma grave crise e o casamento de quase dois anos está por um fio.

 

“Eles estão brigando demais. Com a agenda lotada deles, não dá tempo de serem um casal normal. Fora que a Luisa é muito geniosa”, conta uma pessoa ligada aos artistas.


Para se ter uma ideia do climão, a cantora foi convidada pela amiga Anitta para viajar com ela para Aspen, nos EUA, tirar uns dias e espairecer esquiando. Sonza achou melhor não sair do Brasil agora e para não aumentar ainda mais as brigas entre ela e Whindersson.

 

A última foto que postaram juntos foi no réveillon. Na realidade só Sonza compartilhou o clique. Antes disso, foi o humorista que mostrou fotos dos dois numa viagem às Ilhas Maurício, em dezembro.

 

No último dia 11 de janeiro, Luiza foi passar um fim de semana com amigos e a família no Sul. Sem Whindersson. “Hoje entendi o quanto sou abençoada, o quanto a vida realmente é muito generosa comigo… Não é por nada além do privilégio de ter uma família e amigos assim num lugar tão lindo e rico em amor, paz e alegria. Fazia tempo que não me sentia tão grata, tão em paz e cheia de alegria, cheia de vida. Eu amo vocês, amo a vida e amo Deus por Ele ser tão generoso comigo! O coração tá preenchido como não estava a muito tempo!”, escreveu ela. Whindersson não comentou nem curtiu o desabafo. (Com Extra)

 

 

 

Hashtag:
Até que idade é possível engravidar?

O processo de formação dos óvulos, a ovogênese, inicia-se ainda durante a vida fetal da mulher e não volta a acontecer em nenhuma outra fase. Ou seja, ela tem seu início e fim na enquando a mulher ainda está no útero da mãe.

 

Aos 6 meses de gestação, o feto feminino contém cerca de 7 milhões de óvulos, caindo para 2 milhões ao nascimento. Essa redução se mantém ao longo de toda a infância e, na puberdade, restam 400 mil óvulos.


Ao longo da vida reprodutiva perdemos todo o "estoque" de óvulos. Quando isso acontece, inicia-se o período da menopausa (ocorre, em média, aos 48 anos na mulher brasileira). Todo mês, em cada ovulação, não produzimos novos óvulos. Eles já estão no ovário desde a nossa vida fetal, e o óvulo já existente é recrutado para ser liberado na ovulação.

 

A importância dessas informações está relacionada ao fato de que nosso "estoque" de óvulos é finito. Não há uma produção contínua de óvulos como os homens têm de espermatozoides.

 

Ao contrário, a cada dia que passa temos menos óvulos disponíveis. Estes não sofrem perda somente em número, mas também em qualidade, fato esse que justifica a diminuição das taxas de gravidez com o avançar da idade da mulher.

 

Mulheres com menos de 30 anos têm chances de gestação, ao mês, ao redor de 25%
Entre 36 e 37 anos, as chances caem para cerca de 15%
Entre 38 e 40 anos, chances de 10%
Entre 41 e 42 anos, chances de 5%

 

Juntamente com a queda das taxas de gestação ocorre o aumento das chances de abortamento e de alterações cromossômicas, sendo a mais conhecida a síndrome de Down. Esses fatores estão diretamente ligados à idade materna, ou seja, a idade do óvulo.

 

Os tratamentos de fertilização in vitro (FIV) aumentam em, aproximadamente, duas vezes a taxa de gestação, mas também variam com a idade dos óvulos, pois o tratamento não faz com que haja uma nova produção dos mesmos. A chance de gestação é maior do que as taxas naturais, pois já é colocado um embrião pronto dentro do útero da mulher, após a fertilização dos óvulos com espermatozoides em laboratório.

 

A solução para mulheres conseguirem uma gestação em idade mais avançada é o congelamento de óvulos para uso posterior ou a realização da FIV, utilizando óvulos doados. O processo de ovodoação acontece quando mulheres com idade menor do que 34 anos, que realizaram a FIV, optam por doar seus óvulos excedentes para outra mulher que necessite.

 

Quando os óvulos são congelados, eles mantêm a mesma capacidade reprodutiva (ou seja, a mesma chance de gestar) desde o dia em que houve o congelamento. Por exemplo: uma mulher que congelou seus óvulos com 34 anos e quer engravidar aos 46, tem uma chance ao redor de 50 e 60%. Sem o congelamento, sua chance de engravidar de forma natural seria menor que 1%. O mesmo vale para óvulos doados.

 

Gravidez tardia

 

Como as mulheres estão postergando cada vez mais a gestação, a idade materna vem aumentando, assim como a utilização de tratamentos de reprodução assistida. Infelizmente, os métodos disponíveis para avaliação da reserva ovariana são imprecisos, especialmente em mulheres mais jovens, dificultando a orientação das mesmas em relação ao seu futuro reprodutivo.

 

Apesar da imprecisão, recomenda-se solicitar os exames disponíveis para mulheres que desejam gestar, mas "não decidiram quando", e o congelamento de óvulos deve sempre ser orientado, principalmente se a mulher tem mais de 35 anos.

 

Toda gestação após os 35 anos é considerada gravidez de risco. Além da queda da fertilidade, há maiores riscos obstétricos decorrentes tanto do envelhecimento ovariano quanto da frequência aumentada de doenças crônicas pré-existentes na mulher, que aumentam com o decorrer da idade.

 

Há maior incidência de pré-eclâmpsia, diabetes gestacional, obesidade, parto prematuro, aborto espontâneo e síndrome de Down.

 

O período ideal para gestação é entre os 20 e 30 anos. Isso porque, além de ser a fase de maior fertilidade, há menor incidência de doenças crônicas e menor risco de aparecimento de patologias na gestação, tanto para a mãe quanto para o feto.

 

Apesar do descrito acima, há vantagens, sim, em gestar após os 40 anos. Mulheres mais velhas são mais experientes, têm carreiras profissionais consolidadas e experimentam a gestação em um momento da vida onde não há tantas dúvidas e incertezas.

 

* Karina Tafner, ginecologista e obstetra; médica assistente do ambulatório de reprodução assistida da Santa Casa (FCMSCSP); especialista em endocrinologia ginecológica e reprodução humana pela Santa Casa; especialista em reprodução assistida pela FEBRASGO. (Com Minha Vida)

 

 

 

Hashtag:
Cuidados para conservar alimentos devem ser redobrados no verão

A Secretaria de Estado da Saúde alerta para a importância de intensificar os cuidados para garantir a conservação dos alimentos nos períodos mais quentes. O calor propicia a multiplicação de bactérias e outros microrganismos, além da produção de toxinas que podem contaminar os alimentos e a água. Os produtos de origem animal, como carnes, leite, ovos e derivados, são perecíveis e devem receber atenção especial, pois sofrem rápida deterioração com as altas temperaturas.

 

O descuido com a conservação e o preparo pode ocasionar infecções ou intoxicações, as chamadas Doenças Transmitidas por Alimentos (DTAs), cujos sintomas mais comuns são vômito, diarreia, dores abdominais, náuseas e febre, que podem se agravar, trazendo complicações e até a morte.

 

A coordenadora da Vigilância Sanitária da Secretaria de Estado da Saúde, Luciane Otaviano de Lima, orienta que na hora da compra devem ser observadas as características dos produtos. "Os alimentos refrigerados e congelados precisam estar armazenados em locais adequados. As embalagens dos congelados, por exemplo, não podem apresentar-se amolecidas ou danificadas com indícios de descongelamento".

 

Ela salienta ainda a importância das precauções necessárias para a compra de pescados frescos, já que são produtos altamente perecíveis. "Os peixes frescos devem apresentar olhos brilhantes e salientes, textura firme com escamas bem aderidas à pele, as guelras fortemente rosadas ou de coloração vermelho vivo, úmidas e brilhantes, a superfície do corpo limpa, com brilho metálico, carne firme com consistência elástica; abdômen tenso, que não deixa marca à palpação dos dedos, além de odor suave", explica Luciane.

 

No caso dos crustáceos - camarões, siris, caranguejos, lagostas - o aspecto deve ser brilhante e úmido, corpo com curvatura natural rígida, carapaça bem aderida ao corpo, odor e cor característicos da espécie, sem pigmentações estranhas, artículos firmes, olhos vivos e destacados.

 

DENÚNCIA - Caso o consumidor identifique irregularidades, deve denunciar à Vigilância Sanitária do município. A denúncia pode ser feita também à Ouvidoria Geral da Saúde pelo telefone 0800 644 4414.

 

Dicas para comprar e preparar alimentos com segurança:

 

- Verificar com atenção o prazo de validade.

- Lavar as mãos antes de iniciar a preparação e durante o processo, sempre que necessário.

- Higienizar o local de preparo, equipamentos, superfícies e utensílios como faca e tábuas de corte.

- Lavar frutas, verduras e legumes em água corrente.

- Evitar a contaminação cruzada com a separação de carnes e peixes crus de outros alimentos, com o uso de diferentes utensílios, como facas e tábuas e corte, além de guardar os alimentos em recipientes/embalagens fechados para que não haja contato entre produtos crus e cozidos.

- Descongelar os alimentos em refrigerador ou em forno de micro-ondas, quando for submetido imediatamente ao cozimento, para garantir sua conservação.

- Refrigerar os alimentos cozidos e perecíveis preferencialmente abaixo de 5°C, e, quando cozidos, mantê-los quentes acima de 60°C até o momento de serem servidos.

- Utilizar somente água tratada ou fervida.

- Usar água potável para o preparo de gelo. Quando o gelo é utilizado para refrigeração externa de latas, garrafas plásticas ou de vidro, ou em isopor, mesmo que feito com água potável, ele perde sua característica de inocuidade (de não causar dano à saúde) ao ser aberto e exposto a esses recipientes. Nesse caso, não deve ser ingerido com bebidas ou outros alimentos. (Com AEN)

 

 

 

Hashtag:
Pão de queijo low carb: receita de frigideira é fácil

É difícil resistir à iguaria mineira que chamamos de pão de queijo. No entanto, uma única porção desse quitute pode pesar na consciência e no estômago de quem deseja emagrecer ou simplesmente manter uma alimentação saudável.


Por esse motivo, o Minha Vida traz a receita de pão de queijo low carb da nutricionista Ana Paula Gava. Veja a seguir os ingredientes, como fazer e os benefícios do petisco para a saúde.

 

Ingredientes

1 ovo
½ colher de sopa de goma de mandioca hidratada
1 colher de sopa de queijo parmesão ralado na hora
1 colher de sopa de chia
Azeite
2 fatias de queijo minas meia cura

 

Modo de preparo

 

Coloque o ovo, a goma de mandioca, o queijo parmesão e a chia numa vasilha e bata todos os ingredientes até que adquiram uma consistência de massa.

 

Em seguida, utilize uma frigideira para levar a mistura ao fogão, acrescentando apenas um pouco de azeite para não grudar. Vire para dourar do outro lado. Por último, dobre a massa ao meio e acrescente as fatias de queijo minas. Sirva.

 

Benefícios do pão de queijo low carb

 

A receita de pão de queijo low carb utiliza queijos curados (o parmesão e o queijo minas), que são mais fermentados e possuem baixa quantidade de lactose (transformada em carboidrato no organismo).

 

Além disso, esses queijos curados têm alta concentração de ácidos graxos de cadeia curta, que são as chamadas "gorduras boas", que fazem bem para o intestino e para o colesterol, melhorando a resposta do corpo à insulina.

 

A presença de chia na receita também promove maior saciedade no estômago, diminui o índice glicêmico da refeição e ajuda a regular o intestino, uma vez que é rica em fibras, elemento importante para o trânsito intestinal.

Hashtag:
Consumidor já pode fazer consulta ao cadastro positivo; saiba como

Criado oficialmente em 2011 e regulamentado apenas no ano passado, o cadastro positivo começou a ser consultado neste fim de semana. O cadastro reúne informações de operações financeiras e obrigações de pagamento de pessoas físicas ou jurídicas, que possibilita a visualização de todo o comportamento e o histórico do pagador. Nesta primeira fase, no entanto, apenas as informações bancárias dos consumidores foram liberadas.

 

Essa “lista de bons pagadores” traz uma nota (ou “score”) do consumidor, que é calculada com base nas operações de crédito em geral, como empréstimos bancários, financiamentos imobiliários e cartão de crédito, além de pagamentos de serviços continuados, como luz, água e telefone.


A promessa é que os consumidores com melhores notas vão ter acesso a melhores opções de juro e crédito e também prazos de pagamento mais longos.


“Essa medida representa um enorme avanço em comparação ao sistema anterior, que só considerava os aspectos negativos”, afirma Lola de Oliveira, diretora de Serviços ao Consumidor da Boa Vista SCPC.

 

A expectativa é que a medida também ajude endividados a regularizarem suas contas. De acordo com dados divulgados pela Associação Nacional dos Bureaus de Crédito (ANBC), a estimativa é que 45% dos endividados consigam se estabilizar financeiramente por meio do programa. “A ideia é que o consumidor que passou por um problema financeiro pontual consiga recuperar sua reputação no mercado por meio do seu histórico de bom pagador”, diz Vilásio Pereira, gerente de Cadastro Positivo do SPC Brasil.

 

Clique aqui para ter acesso ao Cadastro

 

Os cadastros, que foram abertos automaticamente, já podem ser consultados pelos consumidores nas páginas ou praças de atendimento dos quatro birôs autorizados pelo Banco Central (BC) a atuar como gestores: Serasa, Boa Vista SCPC, SPC Brasil e Quod Já estão com os dados registrados no sistema todos aqueles que receberam uma notificação por meio de carta, e-mail ou SMS.

 

Para consultar sua nota, o consumidor precisa informar nome completo, CPF, e-mail e número de telefone. Em alguns casos, será preciso enviar uma fotografia em formato selfie com fotos dos documentos. A validação do cadastro será feita por e-mail ou SMS.

 

As informações podem ser consultadas pelo varejo, bancos e demais instituições financeiras. Todo cidadão que contratar uma operação de crédito ou tiver conta de serviço continuado estará automaticamente incluído no cadastro positivo. Quem quiser sair do sistema, precisará fazer a solicitação a um dos gestores. A exclusão dos dados dos sistemas ocorrerá em até dois dias.

 

A expectativa do Banco Central é que, com o cadastro positivo, a avaliação do risco de crédito seja aprimorada, com queda das taxas de juros cobradas dos bons pagadores e redução dos índices de inadimplência.

 

‘Desbancarizados’

 

Nesta primeira etapa, estão sendo analisadas apenas as informações bancárias dos consumidores – que têm sido enviadas desde 11 de novembro do ano passado. “Esperamos que as empresas de serviço continuado (luz, água, telefonia e gás) enviem seus dados ainda no primeiro semestre de 2020”, diz Pereira.

 

A inclusão dos dados dessas empresas deve permitir uma adesão de pessoas ainda maior, acredita Lola. “O cadastro positivo será mais inclusivo, pois inclui todas aquelas pessoas que são consideradas invisíveis pelo mercado e eliminar a assimetria de informações.”


Tanto que uma das metas do programa é atingir os 45 milhões de “desbancarizados” (sem nenhuma relação com os bancos) no País, segundo dados do Instituto Locomotiva de 2019.

 

Outro ponto positivo, segundo Pereira, é que a abertura de dados deve estimular a concorrência. “Uma de nossas intenções é descentralizar informações que antes ficavam apenas sob o controle das instituições bancárias e permitir que elas cheguem com mais facilidade às fintechs, por exemplo. Isso deve melhorar as condições e as ofertas de crédito no mercado”, afirma ele. (Com Estadão Conteúdo)

 

 

Hashtag: