Quedas - Polícia Militar desenvolve ações do 'Maio Amarelo'

Além das habituais blitz de trânsito, com ênfase em realização de testes de etilômetro nos condutores, ações educativas são desenvolvidas voltadas à prevenção de acidentes de trânsito.

 

O Maio Amarelo é um movimento criado pela ONU que em 11 de maio de 2011 assinou um documento para uma década de ações de prevenção, pois cerca de 3.000 mil pessoas morrem por dia em acidentes de trânsito no mundo, estima-se que em 2019 serão no total 1,9 milhões de pessoas, sendo a quinta maior causa de mortalidade mundial, as ações entre órgãos governamentais e sociedade de diversos segmentos busca a conscientização sobre a gravidade e como pode-se reduzir a quantidade de vítimas.

 

Na manhã do dia 23 de maio de 2019, a pedido do IFPR, foi feito uma palestra acerca do tema, tendo valiosa participação dos alunos, os quais ficaram bem a vontade para esclarecer qualquer dúvida.

 

Com certeza um evento que foi muito bem produtivo e enriquecedor, afirma a Soldado Aparecida, a qual responde pelas ações de trânsito na cidade e que acredita na importância dessas ações para contribuir na formação consciente dos futuros condutores.

 

Enfatizando que, o trânsito é formado por todos, desde animais, pedestres, ciclistas, motociclistas, condutores de veículos, ônibus e caminhões, portanto a estrita observância e obediência do Código de Trânsito Brasileiro, evitaria muitos acidentes.

 

As ações de fiscalização estão ocorrendo ao longo do mês de maio, em toda área da Segunda Companhia de Polícia Militar que abrange oito municípios.

 

 

 

 

 

 

Quedas - Ciclismo realiza passeio e sorteio de rifa em prol da cirurgia do menino Rhuan Gielow

O evento acontece a partir das 8h30 min do próximo domingo dia 26.

 

Neste domingo acontece o sorteio da rifa em prol do Rhuan Gielow, para isso terá um Passeio Ciclístico.


✔ Percurso de 6km na área urbana
✔Frutas e água
✔ Sorteio de brindes para os participantes
✔Sem custo para quem for participar

 

Som e animação: Zequinha

 

Apoio: Polícia Militar, Secretaria de Saúde e Grupo Escoteiro Tarumã.

 

 

 

 

 

 

Quedas - Comissão investiga gastos excessivos na Prefeitura

Denúncia formalizada por eleitor de Quedas do Iguaçu contra a prefeita Marlene Fátima Manica Revers foi levada à Câmara de Vereadores e em votação a maioria dos parlamentares aprovou o documento e a instauração de uma Comissão Processante, que dará início à investigação dos fatos, em sessão na noite desta segunda dia 06.

 

A denúncia por infração político administrativa foi motivada diante de gastos excessivos pelo poder público, que se comprovados, podem levar ao fim o mandato da prefeita.

 

"A Denunciada é Prefeita Municipal desde a data de 01/01/2016 e vem desempenhando uma gestão bastante perdulária no município de Quedas do Iguaçu, tornando-se corriqueiros gastos excessivos, notadamente com a justificativa de reuniões do "Conselho Municipal de Assistência Social", com a aquisição de quantias extremamente elevadas, por exemplo, de bolos, tortas, salgadinhos, canapés, doces", cita a denúncia.

 

Conforme o documento, ao longo dos anos de 2017 e 2018 o montante destinado à essa finalidade supera R$ 270 mil. O denunciante relata ainda que em alguns meses, a prefeitura chegou a pagar por cerca de 300 quilos de bolo e que o Conselho é formado por somente cinco integrantes.

 

A Comissão Processante terá o prazo de cinco dias para a entrega de documento à prefeita denunciada. "A Comissão foi estabelecida em princípio com o Regimento Interno da Câmara de Vereadores e procederemos com a investigação. A prefeita após ser comunicada terá o prazo de dez dias para se manifestar", afirma o presidente da Câmara de Vereadores, Eleandro da Silva.

 

Nove vereadores votaram a favor da investigação e quatro, contra. (Com Catve)