Dicas de saúde, turismo, lazer e muito mais...

10 fatores que aumentam a chance de divórcio


Publicado por: - 16/10/2017

Relacionamentos não são receita de bolo e, muitas vezes, o que dá certo para um não dá para outros, mas estudos recentes revelam os fatores que podem contribuir para um maior risco de divórcio. 

 

A revista Health conversou com especialistas e analisou estudos e aponta os dez maiores 'fatores de risco' para o divórcio.

 

Descubra quais são:

 

1. Ter pais separados - O divórcio é mais comum entre as pessoas cujos pais se divorciaram quando eram crianças

 

2. Ter hábitos de consumo de álcool muito diferentes - Um estudo da Universidade de Buffalo descobriu que quando um dos parceiros consome bastante álcool e o outro prefere se manter sóbrio têm 45% a 55% mais probabilidade de se divorciar ainda antes do 10º aniversário de casamento

 

3. Casar muito jovem - Os estudos mostram que casar na adolescência ou nos 'vinte e poucos' aumenta a probabilidade de divórcio em comparação com quem casa aos 'vinte e tal' ou 30 anos. A partir dos 32 anos, a probabilidade de divórcio volta a aumentar, segundo a revista Health

 

4. Ser muito atraente - A sua beleza pode aumentar o risco de se separar. Um estudo publicado na revista Personal Relationships revelou que a beleza estava ligada a uma maior probabilidade de divórcio

 

5. Ter gastado muito dinheiro no casamento - Ir à falência ou endividar-se para ter o casamento mais extravagante e inesquecível pode custar o futuro do próprio compromisso. Um estudo sugere que quanto mais se gasta no casamento maior poderá ser a probabilidade de divórcio 

 

6. Engravidar antes ou logo a seguir ao casamento - Estudo revela que engravidar antes de 'casar' ou nos primeiros sete meses após o casamento aumenta a probabilidade de divórcio antes do 15º aniversário de casamento, em comparação com quem engravida após oito meses de casamento

 

7. O seu primeiro filho é uma menina - Em termos estatísticos, os estudos apontam que os casais cujo primeiro filho foi uma menina têm mais probabilidade de se divorciar do que aqueles cujo primeiro filho foi um menino

 

8. Não acabou os estudos - Ter pelo menos a faculdade está ligado a um casamento mais duradouro e forte. Portanto, não terminar os estudos pode contribuir para o risco de divórcio

 

9. Ser criado sem religião - Estudo revela qua as mulheres religiosas têm uma maior probabilidade de continuar casadas por mais de 20 anos, independentemente da religião, do que as que foram criadas sem religião

 

10. Se já se divorciou antes - Não quer dizer que um segundo ou terceiro casamento estejam condenados a falhar, mas estatisticamente as pessoas que já se divorciaram uma vez têm uma maior probabilidade de voltar a se separar

 

 

 

47589
com_k2.item
(0 estrelas, média 0 de 5)
10 fatores que aumentam a chance de divórcio0 out of 50 based on 0 voters.


Confira outras matérias publicadas em Fique Por Dentro

Veja também:

  • 4 atitudes que os casais devem fazer todos os dias

    Hoje em dia as pessoas têm vidas profissionais muito agitadas e geralmente a vida pessoal, e especialmente as relações amorosas, são as que mais sofrem.

     

    Para evitar que a turbulência e o estresse afetem o seu relacionamento, há quatro atitudes que, segundo o site Pure Wow, os casais devem fazer todos os dias:

  • Transtorno de ansiedade pode atingir crianças após divórcio; entenda

    Pesadelos frequentes, recusa em ir para a escola, medo que os pais morram, queixas de dores de cabeça ou musculares.

     

    Estes podem ser sintomas de um dos transtornos da ansiedade mais comuns da infância e adolescência: O Transtorno de Ansiedade da Separação (TAS), que atinge de 3 a 5% das crianças.

  • 6 sinais de que é paixão, e não amor

    No início da relação a química e a paixão estão a todo vapor e pode ser confuso perceber se a relação é para durar e há amor, ou se não passa mesmo de uma paixão acesa e passageira.

     

    Para ajudar, revelamos os seis sinais que, segundo a ‘casamenteira’ profissional Sarah Louise Ryan revelou à Cosmopolitan britância, são os indicadores de que está vivendo uma paixão e não um amor:

Entre para postar comentários