Quedas do Iguaçu

Quedas - Gestante é amarrada e agredida pelo amásio e PM é acionada

Quedas - Gestante é amarrada e agredida pelo amásio e PM é acionada

Na tarde deste domingo dia 05, a equipe da Policia Militar foi solicitada pelo SAMU de Quedas do Iguaçu, para prestar auxílio na Linha Tapuí onde uma gestante teria sido agredida por seu convivente e apresentava diversos ferimentos.

 

Foi então deslocado até o referido local onde já estava sendo medicada a senhora E. M. dos S., que informou que foi amarrada e agredida com diversos socos pelo seu convivente D. dos S. S. (conhecido pelo apelido de “Foguinho”), também foram verificados diversos hematomas em seu corpo, especificamente nos olhos e também marcas de corda nos pulsos e nos tornozelos.

 

A vítima ainda relatou que o agressor se dirigiu até a residência onde moram juntos (barraco nº 25) da linha Tapuí onde ele teria posse de duas armas de fogo (uma de cano curto com duas munições) e outra do tipo espingarda, onde o mesmo voltaria para lhe fazer algum mal, sendo assim, a vítima assinou termo de autorização para busca domiciliar e prontamente a equipe policial realizou buscas nos referido barraco que encontrava-se com as portas abertas, entretanto nenhum ilícito nem o autor das agressões foram localizados.

 

A equipe então realizou buscas nos arredores e logo após se dirigiu até o Hospital Municipal onde já encontrava-se hospitalizada a vítima. Esta relatou que teme por sua vida e deseja que os procedimentos de polícia judiciária sejam realizados.

 

Informa também que possui uma tornozeleira eletrônica e que seu carregador, bem como todos seus documentos pessoais ficaram na sua residência, sendo então orientada, a quando for liberada do hospital, caso deseje, solicite apoio da Polícia Militar para se deslocar até onde habita e tomar posse de seus pertences.