Paraná

Testemunhas de acidente de Maria Eduarda serão ouvidas nos próximos dias

Testemunhas de acidente de Maria Eduarda serão ouvidas nos próximos dias

A Polícia Civil deve ouvir mais testemunhas do acidente que matou a pequena Maria Eduarda Mendes de 7 anos, que morreu atropelada na noite do dia 18 de janeiro, no Conjunto Melissa - região Norte de Cascavel.

A menina foi atropelada pelo condutor do Fiat Uno que seguia pela Rua Nogueira quando atingiu a menina. Câmeras de segurança mostram que a vítima foi arremessada metros à frente após o choque. Maria Eduarda chegou a ser atendida pela equipe do Siate, mas morreu antes do deslocamento ao hospital.

O condutor do carro que não tem CNH (Carteira Nacional de Habilitação) foi agredido por populares logos após o acidente e foi encaminhado em estado grave ao hospital.

 

Ele só prestou depoimento quatro dias após o acidente na delegacia de Quedas do Iguaçu.

 

Oitivas serão realizadas nos próximos dias e a prisão preventiva deve ser solicitada. (Com CATVE). 

Hashtag: