Laranjeiras do Sul

Laranjeiras - Secretaria de Saúde reúne entidades para definir ações visando o combate ao mosquito da dengue

Laranjeiras - Secretaria de Saúde reúne entidades para definir ações visando o combate ao mosquito da dengue

Unir forças. Esse foi o foco da reunião realizada na terça dia 21, pela Secretaria de Saúde no auditório do Centro da Juventude. Representantes de entidades, clubes de serviços, associações e igrejas, estiveram participando das discussões, voltadas a ação de conscientização e sensibilização das pessoas, que acontece no sábado, dia 8 de junho, visando a prevenção e o combate ao mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika.

 

A concentração acontece as 8h na Praça José Nogueira do Amaral. Os participantes, vão orientar os moradores sobre a importância de manter o imóvel limpo e sem o acúmulo de água. De acordo com a Enfermeira do setor de Epidemiologia da Secretaria de Saúde, Patrícia Massuqueto, Laranjeiras do Sul conta com 16 notificações de dengue. Deste número, 2 casos foram confirmados, onde as pessoas contraíram a doença em Foz do Iguaçu. Doze casos foram descartados e dois aguardam resultado do Laboratório.

 

“O nosso objetivo é prevenção, conscientização e mobilização da população, em verificar que cada um precisa dar o seu destino adequado ao seu lixo. Que realmente o que cada um produz seja colocado no local adequado. Nos enquanto Secretaria de Saúde, enquanto as outras entidades, vamos mostrar para as pessoas como não deixar essa água parada. Vamos trabalhar a sensibilização e a prevenção nesse momento”, disse Patrícia Massuqueto.


Vão participar desta ação, além dos funcionários da Secretaria de Saúde, entre eles agentes de saúde e de endemias, Secretarias Municipais, Conselho Municipal de Saúde, Câmara de Vereadores e diversas entidades, trinta e quatro Militares da base de Guarapuava, vão estar nos auxiliando nesta ação.

 

Como prevenir?

 

A melhor prevenção ainda é evitar a proliferação do mosquito. Neste sentido o ideal é eliminar água armazenada em vasos de plantas, galões de água, pneus, garrafas plásticas, piscinas sem uso e sem manutenção, e até mesmo em recipientes pequenos, como tampas de garrafas.