Guaraniaçu

Guaraniaçu - Prefeito Osmário Portela reuniu-se nesta tarde com o promotor de justiça da comarca

Guaraniaçu - Prefeito Osmário Portela reuniu-se nesta tarde com o promotor de justiça da comarca

Acompanhado do procurador do município, Dr. Jardel Bento e do Assessor de Comunicação da Prefeitura Municipal, Marcelo Corona, o prefeito Osmário Portela foi recebido na tarde desta terça dia 07, pelo promotor de justiça Dr. Leone Nivaldo Gonçalves. O encontro foi para tratar sobre o decreto do governo do estado que determina o fechamento do comércio não essencial por 14 dias, com possibilidade de prorrogação por mais 7 dias e que Guaraniaçu não acatou até o presente momento, tendo como principal motivo, o trabalho de todos os envolvidos no combate a pandemia do coronavírus, que tem trazido resultados satisfatórios.

 

O prefeito garantiu ao promotor de justiça Dr. Leone Nivaldo Gonçalves, que o município tem feito esforços no sentido de fiscalizar e orientar toda a população, especialmente os comerciantes, quanto a importância da prevenção através do uso de máscaras, disponibilizando álcool em gel, evitando aglomerações dentro e fora dos estabelecimentos, além de colocar os serviços de callcenter 24 horas por dia para denúncias de qualquer cidadão de forma anônima informando sobre possível descumprimento às regras impostas pelo decreto municipal.

 

Dr. Leone fez questão de frisar que o ministério público está atento ao cumprimento das determinações para promover o combate ao coronavírus. "Não é porque o município não contabiliza nenhum óbito ou grande número de positivos para a Covid-19 neste momento, que vamos afrouxar a fiscalização ou fechar os olhos para possíveis descumprimentos às normas de prevenção". Ele reafirmou que o ministério público pode tomar medidas duras, caso entenda que as pessoas de um modo geral, principalmente comerciantes, não estão fazendo sua parte para mantermos números razoáveis de positivados.

 

O prefeito Osmário Portela disse ao promotor Dr. Leone que a fiscalização para o cumprimento do decreto municipal está sendo intensificado para garantir o controle da pandemia aqui no munícipio. "Hoje temos 52 casos confirmados, desses, 46 estão curados, então por esses números, não vislumbro razão pra fechamento do comércio não essencial por 14 dias como quer o governo do estado, além do que, ao nosso ver, comércio essencial é todo aquele que através dele, é possível prover o sustento das famílias e é por isso que estou buscando o entendimento do promotor Dr. Leone nesse sentido, de mantermos as atividades econômicas funcionando normalmente, dentro das restrições impostas pelo decreto municipal.

 

 

 

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência e personalizar publicidade. Ao navegar em nosso site você concorda com nossa Política de Privacidade.