Paraná

Acusado de matar mulher a pauladas por ciúmes é condenado

Acusado de matar mulher a pauladas por ciúmes é condenado

O acusado de matar a companheira a pauladas no dia 13 de março de 2017, foi condenado a 20 anos e 3 meses de prisão na terça dia 11, no Tribunal do Júri de Iporã. Este é o primeiro caso de feminicídio levado a júri popular na cidade.

 

O réu foi acusado de homicídio com quatro qualificadoras: feminicídio, motivo fútil, emprego de meio cruel e uso de recurso que dificultou a defesa da vítima. Segundo as investigações, a vítima foi assassinada pelo simples fato de falar com outra pessoa no celular no momento do ataque. A mulher foi morta com pauladas na cabeça, na zona rural de Iporã. (Com Ministério Público do Paraná/Massa News)

 

 

 

Hashtag: |

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência e personalizar publicidade. Ao navegar em nosso site você concorda com nossa Política de Privacidade.