Palmital

Palmital - O avanço na comercialização de animais vivos e de produtos de origem animal

Palmital - O avanço na comercialização de animais vivos e de produtos de origem animal

O Conselho de Sanidade Agropecuária em parceria com o Consórcio CIDCENTRO, CRMV e ADAPAR, na mobilização quanto ao programa de ação 2022, trabalhando como tema central: O AVANÇO NA COMERCIALIZAÇÃO DE ANIMAIS VIVOS E DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL E SEUS ENFRENTAMENTOS LOCAIS, divulgam as ações realizadas no ano de 2021 e projetos futuros.

Cabe ressaltar as ações que estão sendo desenvolvidas como:

Investimento na melhoria das estradas rurais facilitando transporte e comercialização de produtos da agricultura;

Programas de incentivo a cadeia leiteira quanto ao planejamento de propriedades e melhoria genética com o programa PIASTEC;

Programas na área de preservação ambiental;

Projeto de Implantação do Departamento Segurança Alimentar com aplicação de recursos para criação da cozinha comunitária e recebimento de produtos da agricultura familiar com destino à alimentação escolar e programas sociais - DESAN

Programas de compra direta de produtos da agricultura familiar com expressividade regional quanto aos valores de compras realizados;

Programas de auxilio alimentação na oferta de cestas verdes à famílias de baixa vulnerabilidade social;

Incentivo quanto a infraestrutura para organização da feira de produtos, conhecida como a “feirinha”

Adesão ao sistema de inspeção e comercialização de produtos de origem animal junto ao CIDCENTRO, o qual amplia em números significativos os consumidores passando de 14.000 para 450.000 habitantes, além de proporcionar as empresas o acompanhamento para venda em esfera federal no sistema SISBI -POA,

Contínua ação junto a ADAPAR, quanto as ações de educação sanitária no combate ao transporte sem GTA; combate quanto as doenças como brucelose e tuberculose, febre aftosa, a qual mesmo o estado do Paraná tendo um status como livre sem vacinação, precisa ser tomada ações junto aos veterinários e produtores para possíveis lesões em animais que caracterizem um alerta sanitário, atualização do rebanho.

Educação sanitária no enfrentamento de doenças de caráter zoonótico e possível causa de doenças transmitidas por alimentos.

 

 

 

Por - Assessoria

Hashtag: