Fique por Dentro

8 alimentos proibidos para comer antes de dormir

8 alimentos proibidos para comer antes de dormir

Uma das preocupações ao se alimentar antes de dormir é que alguns alimentos podem atrapalhar o sono. Mas existem outros efeitos que comer antes de ir para a cama pode causar.

 


Em conversa com a nutricionista Débora Copelli Lima, alguns alimentos podem prejudicar o descanso durante a noite e até levar ao ganho de peso não-intencional. Por isso, a especialista recomendou evitar comer à noite alimentos estimulantes e calóricos. São eles:

 

Cafeína: presente no café, chá mate e refrigerantes a base de cola
Termogênicos como: canela, gengibre e pimenta
Açúcar, de doces em geral
Gorduras, presentes na carne vermelha, pizza e pastéis, por exemplo
Frituras, como batata frita e salgadinhos
Alimentos calóricos, tipo pães, massas, tortas, salgadinhos industrializados
Pratos pesados, como lasanha, feijoada
Excesso de líquidos, que podem te fazer acordar muitas vezes durante a noite para eliminar o excesso.
Esses alimentos podem acelerar o metabolismo, ou porque se configuram como estimulantes ou porque fazem o nosso organismo gastar mais energia para digeri-los.

 

Comer à noite engorda?

 

Uma pesquisa da Universidade de Oregon constatou que comer tarde da noite engorda, pois consumir alimentos calóricos perto da hora de dormir predispõem à estocagem de energia. O Dr. Steven Shea, autor do estudo, explicou que "nós simplesmente não gastamos tanta energia depois de uma refeição noturna em comparação com as refeições matinais".

 

Ele ainda afirmou que ao guardar energia, a pessoa dorme menos e ambas as práticas contribuem para o ganho de peso. A nutricionista Copelli também aconselha a evitar alimentos calóricos e gordurosos antes de dormir, como lasanhas, feijoadas e frituras.

 

Dormir cedo, descansar tempo suficiente e substituir alimentos altamente calóricos por aqueles de baixa caloria ao jantar tarde da noite pode contribuir para a perda de peso, segundo a pesquisa.

 

Outros riscos

 

A prática de comer muito durante à noite também está relacionada com diversos perigos à saúde, como aumento do colesterol, risco de infarto, hipertensão e diabetes.

 

Um estudo publicado num jornal da Sociedade Europeia de Cardiologia associou problemas cardiovasculares a hábitos alimentares ruins, como pular o café da manhã e comer tarde da noite.

 

Inclusive, pessoas que já tiveram um infarto possuem de quatro a cinco vezes mais chances de sofrerem outro episódio ou ter dores no peito depois de trinta dias de alta, se possuírem tais costumes.

 


Além disso, outra pesquisa, da Universidade da Pennsylvania, sugere que comer tarde da noite está associada com ganho de peso não-intencional, aumenta os níveis de insulina, o que implica no desenvolvimento da diabetes, e aumento do colesterol e triglicérides, que estão associados à doença cardíaca. (Com Minha Vida)

 

 

 

Hashtag: