Catanduvas

Catanduvas - Cidade está próxima de superar campanha do ano passado na Bronze

Catanduvas - Cidade está próxima de superar campanha do ano passado na Bronze

O Catanduvas vem conseguindo um bom retrospecto na Série Bronze do Campeonato Paranaense de Futsal. Em 2018, o clube iniciou suas atividades profissionais e terminou em 17º na classificação geral.

 

Nesta temporada, o Tricolor da Cantu avançou para a 2ª fase, fato não alcançado anteriormente. Na última rodada da 2ª fase, marcada para amanhã (5), o time precisa vencer, dentro de casa, o Cambé, para confirmar a classificação para as oitavas de final.

 

Se o objetivo for alcançado, a equipe assegurará uma colocação melhor em relação à edição passada. Adversário vem de vitória Em seu último compromisso, o Cambé venceu o Tibagi, na casa do adversário, por 6x3. O time do Norte Pioneiro do Paraná é o lanterna do Grupo H, com sete pontos, mas se vencer, ultrapassará o Catanduvas, que figura em 4º, dentro do G4, com nove pontos. Entre eles, ainda há o Tibagi, também com sete pontos, que enfrenta o Colombo.

 

Clique aqui e confira a classificação da Série Bronze. 

 

O goleiro Adriano Negão, do Catanduvas, diz que a equipe precisa ter uma postura convincente dentro de quadra. “A atenção precisa ser redobrada, pois o time deles tem chances de classificação e cresceu nas últimas rodadas, algo que não esperávamos. Não podemos desperdiçar oportunidades. Não queremos deixar o Cambé respirar aqui e conto com a torcida para que eles sintam o caldeirão que é jogar aqui”.

 

No primeiro encontro entre os clubes, vitória do Catanduvas, em plena casa do Cambé, por 5x2. Para o jogo decisivo, o técnico Daniel Pruêncio terá força máxima à sua disposição. Promoção de ingressos A diretoria do Catanduvas já iniciou a venda de ingressos para a partida e tem promoção! Por R$ 5, o torcedor do Tricolor leva duas entradas, que podem ser adquiridas na Farmácia Central e no Pavan Materiais de Construção.

 

Também haverá comercialização nas bilheterias do Ginásio João Maria Alves de Oliveira, instantes antes da bola rolar. (Com Jornal Correio do Povo)