TV Cantu

Diamante do Sul - Jovem é degolada


Publicado por: - 15/02/2017

Morte violenta choca a cidade de Diamante do Sul.

 

A jovem Gracieli França Ribeiro de 22 anos, era funcionária de um frigorífico de Cascavel e chegava sempre por volta das 3 horas da madrugada, quando o ônibus que transportava os trabalhadores chegava na cidade.

 

Mas nesta madrugada de quarta dia 25, a rotina Gracieli foi alterada bruscamente. Ela e outros funcionários da empresa foram atacados por marginais encapuzados e armados com facão. Duas pessoas conseguiram fugir mas infelizmente a jovem não teve a mesma sorte.

 

A menos de 300 metros de sua casa, ela foi levada para dentro de uma casinha abandonada ao lado de um campo de futebol, onde foi degolada. A Polícia Militar foi acionada pelos amigos Gracieli, e ainda durante a madrugada, encontrou o corpo da jovem, já morta, despida e com indícios de ter sofrido violência sexual.

 

42470
com_k2.item
(0 estrelas, média 0 de 5)
Diamante do Sul - Jovem é degolada0 out of 50 based on 0 voters.


Confira outras matérias publicadas em TV Cantu

Veja também:

  • Laranjeiras - CAPS pede apoio da PM no Presidente Vargas

    Na tarde desta quarta dia 16, a equipe da Policia Militar, foi acionada para dar apoio aos profissionais do CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), de Laranjeiras do Sul.

     

    Um paciente foi atendido na rua Carlos Gomes, no bairro Presidente Vargas.

  • Gaeco prende delegado e policial

    Integrantes de diversos núcleos do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Paraná, participaram nesta quarta dia 16, da operação Barão de Drummond, que abrangeu dez cidades e resultou na prisão de um delegado e um investigador da polícia civil.

     

    A operação, deflagrada a partir de investigação iniciada no primeiro semestre de 2016 pelo núcleo do Gaeco em Maringá, no Norte-Central paranaense, tem como objetivo o combate a crimes de corrupção ativa, corrupção passiva e lavagem de dinheiro praticados por associação criminosa em bancas de exploração de jogos ilegais.

  • Polícia prende suspeito de estuprar ex-mulher e filhas de 10 e 2 anos

    Um homem de 51 anos foi preso em Maringá, sob suspeita de estuprar a ex-mulher e as duas filhas do casal, de 10 e 2 anos. A família tinha medida protetiva da Justiça contra o homem, o que não foi suficiente para impedir a violência sexual.

     

    Conforme relato da mulher, o homem estaria drogado quando invadiu a residência da família, mas outros abusos teriam ocorrido antes da separação do casal sem que ele estivesse sob efeito de drogas.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.