Últimas notícias no Brasil e no Mundo

Irma perde força nos EUA. Mas outro furacão pode mudar rota e vira nova ameaça


Publicado por: - 11/09/2017

Países da América Central e da América do Norte podem sofrer em breve com a passagem de um novo furacão. Depois de Harvey, Katia e Irma, a ameaça agora é José, que pode mudar seu curso no Oceano Atlântico e alcançar regiões povoadas.

 

As informações são do Centro Nacional de Furacões (NHC, na sigla em inglês), órgão meteorológico norte-americano.

 

Em um primeiro momento, o José não atingiu as ilhas de Pequenas Antilhas, localizadas pouco acima da Venezuela, mas o rastro analisado por meteorologistas indica que ele pode fazer um giro e se dirigir para as Bahamas e depois atingir a Flórida, no sul dos Estados Unidos. Atualmente, o José está na categoria 2 - apresenta ventos máximos sustentados de 169 km/h.

 

A expectativa é que a tormenta dure cinco dias. Na previsão mais pessimista de especialistas, o fenômeno natural também iria chegar aos estados da Geórgia e da Carolina do Sul, nos Estados Unidos.

 

De acordo com o jornal "Orlando Sentinel", esse giro estudado para o José aconteceu uma vez no passado, com o furacão Jeanne, em 2004. Na ocasião, esperava-se que o fenômeno ficasse apenas no Oceano Atlântico, mas a mudança de direção fez com que ele chegasse à Flórida.

 

Há também uma possibilidade menos dramática. De acordo com o NHC, o giro previsto do José pode dirigi-lo para as águas do Atlântico Norte e poupar os países do Caribe e os EUA.

 

Além disso, o NHC advertiu sobre a formação de uma onda tropical a várias centenas de quilômetros ao oeste-sudoeste das ilhas de Cabo Verde.

 

Furacão Irma

 

Durante a passagem pelo Caribe na última semana, o furacão Irma deixou ao menos 27 mortos. O fenômeno atingiu o estado norte-americano da Flórida no último domingo dia 10, já com força reduzida de 3 para 2. Dois policiais morreram em serviço. O furacão, que atingiu a Flórida neste domingo dia 10, perdeu força. "Ainda que seja seu enfraquecimento, espera-se que Irma permaneça como furacão pelo menos até a manhã de segunda-feira", apontou o NHC. (Com UOL)

 

 

 

46772
com_k2.item
(0 estrelas, média 0 de 5)
Irma perde força nos EUA. Mas outro furacão pode mudar rota e vira nova ameaça0 out of 50 based on 0 voters.


Confira outras matérias publicadas em Notícias no Brasil e no Mundo
Mais sobre

Veja também:

  • Homem é esfaqueado pela própria irmã

    Um homem foi esfaqueado na noite desta segunda dia 16, em Cianorte. O fato aconteceu por volta das 21h15, na Rua Camacuã.

     

    A vítima foi socorrida pela equipe do Corpo de Bombeiros com um ferimento de faca no rosto, e encaminhada ao Hospital Santa Casa de Cianorte e não corria risco à vida.

  • Dr. Rey pretende ser presidente em 2018 com EUA como modelo

    De olho no pleito de 2018, o Dr. Robert Rey, cirurgião plástico brasileiro de Hollywood está em pré-campanha nas redes sociais.

     

    Ele é a mais nova aposta na volta do Prona (Partido de Reedificação da Ordem Nacional), o extinto partido do lendário Enéas Carneiro.

  • Maria se transforma de novo em furacão enquanto se afasta da costa dos EUA

    O Maria se fortaleceu outra vez nessa quarta dia 27, recuperando a intensidade de furacão, com ventos máximos constantes de 120 quilômetros por hora (km/h), enquanto se afasta da costa sudeste dos Estados Unidos, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC).

     

    Depois de castigar, na última quarta dia 20, como furacão de categoria 4, as regiões de Porto Rico, Dominica e as Ilhas Virgens Britânicas, Maria está agora 365 quilômetros ao leste-nordeste de Cape Hatteras, no estado da Carolina do Norte, segundo o órgão.

Entre para postar comentários