Últimas Notícias da Região:

Nova Laranjeiras - Motoqueiro perde controle de moto, bate em árvore e morre carbonizado


Publicado por: - 10/01/2017

Uma moto com placas de Curitiba, acabou se envolvendo em um grave acidente na tarde desta terça dia 10.

 

O condutor da moto, ainda não identificado, acabou perdendo o controle da direção, saindo da pista e batendo em um árvore.

 

Com a forte batida o veículo pegou fogo e o motociclista morreu carbonizado.

 

O acidente aconteceu na BR 277, KM 472, próximo ao trevo de acesso a rodovia que leva à Quedas do Iguaçu.

 

A Policia Rodoviária Federal também esteve no local. O IML levou o corpo à Cascavel e espera identifica-lo logo. O homem aparentava ter aproximadamente 55 anos.

 

 

41427
com_k2.item
(1 estrela, média 5.00 de 5)
Nova Laranjeiras - Motoqueiro perde controle de moto, bate em árvore e morre carbonizado5.00 out of 50 based on 1 voters.


Confira outras matérias publicadas em Nova Laranjeiras

Veja também:

  • Laranjeiras - Ciclista fica ferido após queda na rua Santana

    Na noite desta terça dia 17, a equipe do Siate foi acionada até a rua Santana em frente a entrada do condomínio Jabuticabal, em Laranjeiras do Sul.

     

    No local, um ciclista havia sofrido uma queda em meio a via.

  • Laranjeiras - Moto e carro colidem no Presidente Vargas

    No final da tarde desta segunda dia 16, a equipe do Siate foi acionada até o cruzamento das ruas Deolinda de Oliveira com Dom Pedro I, no Bairro Presidente Vargas em Laranjeiras do Sul.

     

    No local, um acidente de trânsito do tipo colisão moto x auto.

  • Enfermeira é agredida com soco enquanto socorria vítimas de acidente

    Uma enfermeira do Samu foi agredida no final da tarde de domingo dia 15, na cidade de Paranavaí. A equipe se deslocou para atender duas pessoas vítimas de um acidente de motocicleta na rodovia PR-158.

     

    Além da UTI móvel do Samu, o corpo de bombeiros também foi até o local. De acordo com informações repassadas aos socorristas, as vítimas estariam embriagadas e feridas.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.