Últimas notícias de todo estado do Paraná

Catanduvas - Homem é detido com anabolizantes e abortivos na BR 277


Publicado por: - 09/08/2017

O homem de 39 anos foi preso transportando medicamentos ilegais, na madrugada desta quarta dia 09, na BR 277, em Catanduvas. 

 

O homem foi abordado em um ônibus que fazia a linha Foz do Iguaçu à Ponta Grossa. As cartelas de anabolizantes e remédios abortivos estavam em uma mochila. 

 

O homem já possui passagem pela justiça pelo esmo crime de transporte de medicamentos ilegais. Desta vez ele estava levando a medicação para o estado de São Paulo com o Intuito de revende-la na Capital paulista. 

 

O detido e os medicamentos foram encaminhados até a Polícia Federal de Cascavel. (Com Catve)

 

 

 

45980
com_k2.item
(0 estrelas, média 0 de 5)
Catanduvas - Homem é detido com anabolizantes e abortivos na BR 2770 out of 50 based on 0 voters.


Confira outras matérias publicadas em Paraná

Veja também:

  • Novembro Azul reforça cuidado com a saúde do homem

    A Secretaria de Estado da Saúde reforça os cuidados com a saúde do homem em celebração ao Novembro Azul.

     

    A campanha tem o objetivo principal de combater o câncer de próstata por meio do incentivo à realização periódica dos exames em busca de diagnóstico precoce.

  • Homem acusado de matar ex-amante e torturar duas crianças é encontrado morto com revólver ao lado

    Equipes de busca encontraram na manhã desta terça-feira o corpo de Idair dos Reis Maria, principal suspeito de ter matado a ex-amante Selma Alves e de ter torturado as duas filhas da mulher, irmãs de 5 e 7 anos.

     

    O homem foi localizado a cerca de 700 metros da represa onde ele havia deixado as meninas nuas e queimadas. O fato foi registrado em Rondônia.

  • Homem de 26 anos é preso se masturbando em supermercado

    Um homem de 26 anos foi preso após ser flagrado se masturbando em um supermercado em Arapongas na noite de segunda dia 30. 

     

    De acordo com a Polícia Militar (PM), ele foi detido às 18h45, após duas funcionárias ligarem na corporação fazendo a denúncia.

Entre para postar comentários