Últimas notícias no Brasil e no Mundo

PF prende Wesley Batista em São Paulo


Publicado por: - 13/09/2017

O sócio e presidente global da JBS, Wesley Batista, foi preso na manhã desta quarta  dia 13, em São Paulo.

 

O pedido de prisão é preventiva —sem data para sair — e foi expedido pela 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo,onde a Folha apurou que o empresário ficará preso. "É absurda e lamentável a prisão e o inquérito aberto há vários meses em que investigados se apresentaram para dar explicações.

 

 

Mais vez o Estado brasileiro é desleal com quem colabora coma Justiça", diz o advogado de Wesley, Pierpaolo Bottini. Também há um novo pedido de prisão preventiva contra Joesley, que está detido desde terça dia 12, em Brasília. Ele deverá permanecer na carceragem da Polícia Federal na capital até sexta dia 15, caso sua prisão temporária não seja prorrogada. Joesley se entregou no domingo dia 10, após o ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Fachin,determinar seu pedido de prisão e suspender os benefícios de seu acordo de delação premiada.

 

 TENDÃO DE AQUILES 

 

As ações da Polícia Federal desta quarta são parte da Operação Tendão de Aquiles, que investiga se os irmãos Batista se beneficiaram de seu acordo de delação premiada para lucrar no mercado financeiro, fazendo reservas de dinheiro. As apurações miram o suposto uso de informações privilegiadas em transações entre abril e 17 de maio de 2017, data em que foram reveladas as primeiras informações da colaboração dos dois com a PGR(Procuradoria Geral da República). 

 

Documentos apresentados pela JBS à CVM(Comissão de Valores Mobiliários) mostram que pessoas ligadas aos irmãos Batista venderam no mercado R$ 328,5 milhões em ações da empresa no período de negociação da delação. O suposto crime na CVM não foi relatado pelos executivos da JBS no acordo de colaboração premiada. Por isso, o caso não está relacionado à delação premiada de executivos da empresa e está fora da jurisdição de Fachine de Rodrigo Janot, procurador-geral da República. Por esse motivo, a"imunidade" conquistada pelos delatores não é válida para esse caso e para outros que não estejam na colaboração. (Com UOL)

 

 

 

46809
com_k2.item
(0 estrelas, média 0 de 5)
PF prende Wesley Batista em São Paulo0 out of 50 based on 0 voters.


Confira outras matérias publicadas em Notícias no Brasil e no Mundo

Veja também:

  • Abandono de menino: PF entrará no caso se confirmar tráfico internacional

    O Promotor de Justiça, Luciano Machado, falou no começo da tarde de hoje, sobre o caso do menino abandonado no Bairro Cascavel Velho, em Cascavel. Ele esteve no Nucria e preferiu não entrar em detalhes sobre a investigação propriamente dita.

     

    Hoje, novas informações sobre o caso do garotinho localizado no dia 10 vieram à tona. A mulher, que em princípio alegou ter encontrado ele sozinho em frente de sua residência, foi conduzida para o Nucria, após denúncias de que ela teria trazido a criança do Paraguai para uma adoção ilegal.

  • PF incinera mais de duas toneladas de drogas

    A Polícia Federal realizou na manhã desta terça dia 17, a incineração de mais de duas toneladas de drogas apreendidas nos últimos dois anos em Curitiba, região metropolitana e Paranaguá, todas no Paraná. Toda a operação foi acompanhada de um forte esquema de segurança.

     

    As drogas foram apreendidas pela Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal , Receita Federal e Polícia Militar. 

  • Operação da PF desarticula quadrilha que furtava poupança de clientes da Caixa

    Equipes da Polícia Federal (PF) cumprem esta manhã mandados judiciais contra integrantes de um grupo criminoso com ações fraudulentas na Caixa Econômica Federal.

     

    São 56 mandados judiciais, sendo 23 de busca e apreensão, seis de prisão preventiva, sete de prisão temporária, seis de sequestro de bens e um mandado de suspensão do exercício da função pública.

Entre para postar comentários