Últimas notícias no Brasil e no Mundo

Temer apresenta dados sobre gastos e diz que segurança é preocupação nacional


Publicado por: - 11/01/2017

O presidente Michel Temer apresentou nesta quarta dia 11, na abertura da reunião do Núcleo de Infraestrutura, no Palácio do Planalto, dados sobre os gastos com o setor de segurança pública.

 

Segundo ele, os gastos da União com segurança "são importantes para revelar a distância entre o que se aplicava no passado e o que se aplica hoje".

 

De acordo com o presidente, o setor é questão de segurança nacional. 

 

"Em 2014, a dotação inicial era de R$ 492 milhões, as despesas empenhadas foram de aproximadamente R$ 320 milhões, as liquidadas e pagas foram de R$ 51,2 milhões. Em 2015, o projeto inicial era de R$ 504 milhões, passou-se a ter uma dotação inicial de R$ 541 milhões, depois foram empenhados R$ 264 milhões, e as despesas pagas depois do empenho foram R$ 45 milhões", disse Temer. 

 

Ele acrescentou que em 2016 o projeto inicial da Lei Orçamentária Anual (LOA) era de R$ 596 milhões. "Nós atualizamos esse valor para R$ 2,612 bilhões, empenhamos R$ 1,483 bilhão e depois foram pagos R$ 1,172 bilhão. Isso foi no ano passado, muito antes dessa tragédia que se deu pelo menos em dois presídios do país. Tudo que é feito, é programado, planejado e executado. Por isso, o objetivo dessa reunião é evidenciar que agora, começando 2017, estamos planejando e vamos executar tudo responsavelmente". 

 

O presidente afirmou ainda que os dados apresentados "revelam, consolidam e comprovam" a preocupação da União com o fenômeno da segurança publica, porque ele envolve hoje a própria segurança nacional. "A União passou a se interessar muito mais sobre essa matéria porque essas organizações criminosas - PCC, Família do Norte - constituem-se quase uma regra de direito fora do Estado. Veja que eles têm até preceitos próprios, veja que, até quando fazem aquela pavorosa matança, o fazem baseado em códigos próprios. Então, essa é uma questão que ultrapassa os limites da segurança para preocupar a nação como um todo". (Com Agência Brasil)

 

 

 

41449
com_k2.item
(0 estrelas, média 0 de 5)
Temer apresenta dados sobre gastos e diz que segurança é preocupação nacional0 out of 50 based on 0 voters.


Confira outras matérias publicadas em Notícias no Brasil e no Mundo

Veja também:

  • Laranjeiras - Conselho Comunitário de Segurança reúne imprensa para prestação de contas. Veja o vídeo

     

    Na tarde desta segunda dia 10, a diretoria do Conseg (Conselho Comunitário de Segurança de Laranjeiras do Sul) esteve reunida com a imprensa para prestar contas dos trabalhos realizados neste primeiro semestre de 2017.

     

    Segundo o presidente, Ariel José, Oro, em torno de R$ 50.000,00 já foram investidos em ações em prol das forças de segurança, que são a Polícia Militar e a Polícia Civil, somente neste primeiro semestre de 2017.

  • Militares lutam por melhoras no plano de carreira, beneficiando o povo paranaense

    Na manhã do dia 04, Policiais e Bombeiros militares estiveram reunidos em Curitiba na Sede da AVM, para tratar de um assunto que vem sendo debatido e comentado em todo Território Nacional.

     

    Melhorias para estes nobres trabalhadores que por diversas vezes são criticados por exercerem o seu dever e criticados duramente pela imprensa e pela sociedade, por, em algumas situações, precisa revidar uma injusta agressão ou precisa fazer o uso da força necessária para controlar um contraventor.

  • Porto Barreiro - Município de Porto Barreiro recebe nova viatura para a Polícia Militar

    A Prefeita Marinez Crotti de Porto Barreiro esteve no dia 27, na capital do Estado participando de um importante evento onde o Governador Beto Richa realizou a entrega de mais 466 novas viaturas para as Polícias Militar, Civil e Científica do Paraná.

     

    O Município de Porto Barreiro foi um dos contemplados e desta vez recebeu um veículo Etios, que irá dar melhores condições de trabalho aos policiais militares que atuam no município.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.