Últimas notícias de Virmond

Virmond - Neimar assume em cerimônia com grande público


Publicado por: - 02/01/2017
Foto - Jornal Correio do Povo Foto - Jornal Correio do Povo

Na noite deste domingo dia 01º, uma grande cerimônia marcou a posse do novo prefeito de Virmond.

 

O evento, que aconteceu no Ginásio de Esportes colocou no cargo oficialmente, o prefeito Neimar Granoski, seu vice e vereadores, todos eleitos no último dia 02 de outubro.

 

Participou da posse, a agora ex-prefeita, Lenita Mierzva que passou o bastão para seu sucessor e ainda anunciou a aquisição de um veículo novo, entregando as chaves do automóvel para Neimar.

 

Vereadores que tomaram posse neste domingo:

 

Elizeu Komineck

Alexandre Swartz

Nicola

Vanderlei

Tiago Javorski

Alci Zappani

Baca

Rodrigo Gonçalves

Olga Passarim

 

 

41110
com_k2.item
(0 estrelas, média 0 de 5)
Virmond - Neimar assume em cerimônia com grande público0 out of 50 based on 0 voters.


Confira outras matérias publicadas em Virmond
Mais sobre

Veja também:

  • Virmond - Jovem de 20 anos morre em acidente na 277

    Um grave acidente acabou matando o jovem Alessandro Bosetto, conhecido como Alemão, de 20 anos.

     

    Ele conduzia um veículo Astra, na noite deste domingo dias 24, quando perdeu o controle da direção e capotou na BR 277, nas proximidades do trevo da cidade de Virmond.

  • Laranjeiras – Sogro ameaça genro com foice depois de discussão

    A equipe da Policia Militar foi verificar uma situação de lesão corporal repassado via Copom, na madrugada deste sábado dia 23, em Laranjeiras do Sul.

     

    No local em contato com o solicitante senhor E. B, que estava aguardando em via pública.

  • Moro dá 15 dias a Lula para provar que valores bloqueados são de Marisa

    O juiz federal Sérgio Moro deu prazo de 15 dias para que a defesa do ex-presidente Lula prove que metade dos R$ 606 mil de contas bancárias ligadas ao petista tem como origem a parte da ex-primeira-dama Marisa Letícia no patrimônio do casal. Ela morreu em fevereiro.

     

    Ao condenar o ex-presidente a 9 anos e 6 meses de prisão por lavagem de dinheiro e corrupção passiva, Moro também mandou confiscar R$ 16 milhões supostamente oriundos de uma conta de propinas que a OAS teria com Lula e seu partido.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.