Últimas notícias de Quedas do Iguaçu

Quedas - Segundo cerealista, colheita da soja começa atrasada no município


Publicado por: - 04/02/2017

Segundo informações da Terra Cereais, a colheita da soja está com atraso de 15 dias na região de Quedas e Espigão Alto do Iguaçu.

 

O milho começou com excelente qualidade, em média 500 sacos por alqueire, já o atraso com a colheita da soja se deve as condições climáticas, ou seja, o frio do início do verão e as chuvas em pequenos volumes que contribuíram para o atraso na colheita.

 

As consequências dos fatores ainda não puderam ser apuradas, uma vez que as culturas podem estar em perfeitas condições, mas pode comprometer o plantio do milho safrinha. São 17 mil e 800  alqueires de soja plantada, uma produtividade de 3.700 kg por hectare em Quedas do Iguaçu.

 

A cidade vizinha de Espigão Alto do Iguaçu tem uma área plantada de soja de 8.100 hectares, com uma produtividade de 3.700 kg por hectares, com uma produção de 29 e 700 toneladas, de acordo com o DERAL.

 

 

 

 

Por Carlos Lins

 

 

42135
com_k2.item
(0 estrelas, média 0 de 5)
Quedas - Segundo cerealista, colheita da soja começa atrasada no município0 out of 50 based on 0 voters.


Confira outras matérias publicadas em Quedas do Iguaçu

Veja também:

  • Quedas - Pindorama convida você para o 1º Baile do Chopp, dia 14 de outubro

    Vem aí o 1º Baile do Chopp do Pindorama, em Quedas do Iguaçu,

     

    A festa, que promete, será dia 14 de outubro.

  • Quedas - Suspeitos de assalto a mão armada são presos pela polícia

    Nesta sexta dia 22, dois menores de idade suspeitos de envolvimento em crimes ocorridos esta semana, entre eles, o roubo a um mercado e no trailer em frente o ginásio Tarumã, foram presos pela policia de Quedas do Iguaçu.

     

    Os dois ainda são acusados de lesão corporal e tentativa de homicídio, sendo inclusive reconhecida pelas vítimas, uma delas, apontou como o autor do disparo no roubo de quinta dia 21.

  • Quedas - MPPR constata uso de máquinas do Município em obra particular da prefeita

    O Ministério Público do Paraná, por meio da 2ª Promotoria de Justiça da comarca, instaurou na segunda dia 18, inquérito civil para apurar notícia da utilização de maquinário do Município em obra particular da família da prefeita da cidade.

     

    O procedimento foi aberto após a confirmação do uso das máquinas, ocorrida no início do mês, durante visita realizada pelo promotor de Justiça responsável ao local da obra.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.