Últimas Notícias da Região:

Pinhão - Secretaria de Agricultura incentiva a agricultura familiar

Confira outras matérias publicadas em Pinhão
- 12/08/2017

A prefeitura Pinhão, através da secretaria de Agricultura, desenvolve desde o inicio do ano um trabalho de valorização e apoio aos produtores rurais com foco na agricultura familiar.

 

Visitas a propriedades para a coleta de informações sobre as necessidades dos agricultores são feitas pela equipe técnica da secretaria.

Aconteceu na terça dia 13, no Memorial da Revolução, uma importante reunião coordenada pelo Instituto Emater, onde participaram membros das associações da agricultura familiar e secretários da agricultura de quatro municípios da microrregião oeste da Cantuquiriguaçu (Catanduvas, Campo Bonito, Ibema e Três Barras).

 

O objetivo da reunião foi orientar as associações a respeito das propostas de geração de renda que poderão ser apoiadas pelo programa Pró- Rural, cujos encaminhamentos deverão passar pelos conselhos municipais de agricultura e depois serem aprovadas pela câmara técnica do CONDETEC – Conselho de Desenvolvimento da Cantuquiriguaçu.

Criar novas opções para diversificar e aumentar a renda das mínis e pequenas propriedades rurais de Ibema é um dos compromissos de Adelar Arrosi (PSDB), que cumpre sua terceira gestão como prefeito no município.

 

Com esse propósito, a administração pública lançou o Programa Reconversão Sustentável, que busca estimular a reorganização de atividades nas propriedades agrícolas, principalmente daquelas de característica familiar.

O Conselho Estadual de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar - Cedraf - promoveu, no dia 7 de julho, uma webconferência para apresentar e discutir o novo Plano Safra para a Agricultura Familiar. 

 

O trabalho que será feito por instituições que integram o próprio Cedraf, como a Emater, Seab, Fetaep, Banco do Brasil, MDA e Prefeituras.

O Município de Ibema, através da Secretaria de Agricultura e Bem Estar Social, em parceria com Senar – PR, vem ao longo dos últimos três anos, oportunizando ao pequeno agricultor, a capacitação e a qualificação através de cursos que visam contribuir para a diversificação nas pequenas propriedades rurais.

 

Na ultima semana foi a vez do Curso de Produção Artesanal de Alimentos na área de panificação.

Pagina 1 de 5