Últimas Notícias da Região:

Por telefone, bombeiro ajuda a salvar bebê engasgado


Publicado por: - 11/01/2017

Eram 9 horas da manhã de terça dia 10, quando uma mãe de 31 anos ligou desesperada para o Corpo de Bombeiros de Maringá, no Noroeste do Paraná.

 

A filha, de apenas 7 dias, estava engasgada.

 

Ao ser atendida, a mãe apenas chorava. Quem falou com ela foi o subtenente Almir Santana, que conseguiu acalmar a mulher e ajudar no salvamento da bebê.

 

A menina havia sido amamentada cerca de 1h30 antes da ligação, mas não arrotou e engasgou com o leite. A ligação durou cerca de quatro minutos, tempo suficiente para o subtenente ter a certeza de que a bebê havia voltado a respirar normalmente e não corria mais riscos.

 

A mulher, moradora do Parque Residencial Tuiuti, estava com a mãe e seguiu todas as orientações do subtenente. Uma ambulância do Corpo de Bombeiros foi deslocada até o endereço, mas quando chegou, o caso estava resolvido.

 

O tenente Anderson Feijó afirmou que este foi o terceiro caso de salvamento de de uma criança engasgada que acabou divulgado pelo Corpo de Bombeiros de Maringá desde o começo de novembro de 2016, mas este tipo de atendimento é mais comum do que se imagina. “Tivemos mais registros no período. Na média, recebemos ao menos uma ligação destas por semana. É bem mais comum do que parece. É um tipo de ocorrência que não tem o encaminhamento para o hospital e, por esta razão, não é divulgada sempre. O mais importante é atender aos chamados e ajudar no socorro”, afirmou o tenente. (Com Paraná Portal)

 

 

 

41463
com_k2.item
(0 estrelas, média 0 de 5)
Por telefone, bombeiro ajuda a salvar bebê engasgado0 out of 50 based on 0 voters.


Confira outras matérias publicadas em Paraná
Mais sobre

Veja também:

  • Bebê quase perde dedo da mão por causa de um fio de cabelo

    Um bebê de apenas dois meses quase teve o dedo amputado por conta um fio de cabelo. O caso aconteceu em Xuzhou, na China.

     

    Segundo o Daily Mail, a criança ficou um fio de cabelo da mãe enrolado no polegar, que começou a inchar.

  • Mãe adianta parto para que marido com câncer conheça filha antes de morrer

    Grávida pela quinta vez, Diane Aulger abriu mão do desejo de ter a filha de parto normal para que o marido, Mark, em estágio terminal, pudesse conhecer a menina, ainda que no leito de morte, em um hospital, segundo história veiculada no programa de TV “The Doctors Show”, exibido pela rede americana CBS.

     

    A família passou o Natal celebrando o fato de Mark, após oito meses de quimioterapia, ter eliminado vestígios de um câncer no cólon, em estágio avançado.

  • Morre bebê que foi socorrido com helicóptero

    O garoto Heitor Gabriel, que foi transferido da Santa Casa de Goioerê para um hospital de Umuarama na tarde de sábado dia 28, com a utilização do helicóptero do Samu e apoio de uma equipe especializada, não resistiu e faleceu na madrugada de segunda dia 30.

     

    O bebê nasceu prematuro na quinta dia 26, e por conta de problemas respiratórios teve de ser transferido de forma emergencial para uma UTI Neonatal.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.