Últimas notícias de Ibema

Ibema - Disparidade em repasses exige urgência em mudanças no pacto


Publicado por: - 10/05/2017

A oscilação nos repasses aos municípios, principalmente aos de menor porte, desafia a habilidade e a serenidade de prefeitos em todo o Brasil.

 

A situação ficou ainda pior nos últimos anos com a instalação da pior crise da história nacional. Pela primeira vez em 500 anos, o Brasil acumula três recuos de PIB consecutivos, trazendo um cenário de desestruturação econômica grave e jamais visto.

 

Essas são situações que solidificam o argumento daqueles que defendem um novo pacto para a redivisão dos recursos públicos, já que mais de 65% ficam concentrados no governo federal.

 

Um dos que defendem ajustes para repasses mais adequados para os municípios é o prefeito de Ibema, Adelar Arrosi (PSDB), município de 6,3 mil habitantes a 50 quilômetros de Cascavel.

 

De acordo com o gestor, mudanças são urgentes para salvar os municípios e para que, em vez de mendigar recursos para coisas básicas, eles possam se planejar e colocar em prática uma agenda de desenvolvimento.

 

“Só assim, além de atender áreas como saúde e educação, poderíamos investir em ações e em projetos que pudessem valorizar a geração de empregos, estimular o campo e criar uma onda virtuosa com foco no crescimento econômico”, conforme Adelar Arrosi.

 

ICMS

 

Uma das distorções graves, segundo o prefeito de Ibema, está no ICMS, que libera poucos recursos às cidades de menor porte.

 

O FPM é a principal receita de Ibema, enquanto que o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços é o segundo. Em 2014, o valor gerado pelo ICMS ao município foi de R$ 2,8 milhões; em 2015 de R$ 3,2 milhões e em 2016 de R$ 3,3 milhões.

 

Considerando o mês de abril dos últimos anos, as variações do ICMS em Ibema foram as seguintes: em abril de 2015 foi de R$ 256,9 mil; em abril de 2016 de R$ 262,4 mil e em abril de 2017 de R$ 295,2 mil. Por sua vez, segundo o Ipardes (instituto que apura o desempenho econômico-financeiro dos municípios do Paraná), Cascavel recebeu em ICMS em 2016 a soma de R$ 314,3 milhões, o equivalente a R$ 26 milhões por mês.

 

Enquanto em Cascavel o ICMS é a primeira fonte de arrecadação, o FPM é a quinta e representou em 2016 repasse de R$ 62,2 milhões ao município.

 

Segundo essas disparidades, que prejudicam principalmente os pequenos, Adelar Arrosi considera urgente uma ampla e coesa revisão na forma de rateio dos recursos arrecadados a títulos de impostos.

 

O desafio deveria ser encontrar uma fórmula mais justa de repasses, que em vez de sacrificar pudesse valorizar os municípios brasileiros, todos eles e sem distinção.

 

 

 

 

Por Assessoria

 

 

 

43995
com_k2.item
(0 estrelas, média 0 de 5)
Ibema - Disparidade em repasses exige urgência em mudanças no pacto0 out of 50 based on 0 voters.


Confira outras matérias publicadas em Ibema

Veja também:

  • Nova Laranjeiras - O Dia de Coleta de lixo teve mudanças

    A Administração Municipal de Nova Laranjeiras, Através da Secretária Municipal de Agricultura e Meio Ambiente, informa a todos os cidadãos do Município, que a Coleta do Lixo que é realizada pela empresa Sabiá Ecológico.

     

    Atualmente é realizada nas segundas-feiras e nos sábados, a partir da próxima semana Passará a ser feita nas segundas e sextas feiras.

  • Ibema - Com 420 inscritos, município abre o 9º Inverno Quente nesta sexta dia 21

    Cerca de 420 atletas se inscreveram e vão participar de uma das mais importantes e concorridas competições do calendário anual esportivo de Ibema.

     

    A nona edição do Inverno Quente será oficialmente aberta na noite desta sexta-feira no Ginásio Municipal de Esportes. A programação reserva desfile das delegações e apresentação da Flash Dance Clube de Patinação Artística de Chapecó, interior de Santa Catarina.

  • Ibema - Adelar Arrosi entrega patrulha e amplia a frota

    Mesmo administrando um período difícil à gestão pública de Ibema, que enfrentou até o fim de 2016 um governo dos mais conturbados, o prefeito Adelar Arrosi já consegue promover novos avanços à comunidade.

     

    Ele entregou equipamentos à agricultura familiar e veículos que atenderão as áreas da saúde, educação e esportes. E tudo com recursos próprios do município.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.