Últimas notícias de todo estado do Paraná

Paraná terá até R$ 13,6 bilhões do Banco do Brasil para a safra 2017-2018


Publicado por: - 12/07/2017

O Paraná terá até R$ 13,6 bilhões do Banco do Brasil para financiar grandes e médios produtores rurais do Estado na safra 2017-2018.

 

O montante representa 13,2% do total de R$ 103 bilhões que o Banco, que é o principal financiador do setor, destinará para operações de custeio, comercialização e investimentos, em todo o País.

 

Somando todas as instituições financeiras, o volume total do plano safra chega a R$ 220 bilhões, dos quais, historicamente, o Paraná contrata 20%. 

 

O lançamento, no Paraná, do Plano Agrícola e Pecuário 2017-2018, foi feito nesta terça-feira (11), no Palácio Iguaçu, em Curitiba, em solenidade com o governador Beto Richa. O superintendente estadual do Banco do Brasil, Neirim Goulart Duarte, apresentou os números e as condições da participação da instituição no financiamento da safra. 

 

O governador ressaltou o montante, de R$ 220 milhões, e a importância dos recursos para o desenvolvimento da agricultura. “É o maior volume da história do País para custeio, comercialização e investimento na agropecuária. Isso é importante, pois o setor contribui para a balança comercial brasileira e a economia do Paraná”, afirmou. 

 

ABUNDANTE

 

O superintendente do Banco do Brasil no Estado destacou que, neste ano, as taxas de juros caíram um ponto percentual para as linhas de custeio e de investimento e em dois pontos percentuais ao ano para os programas de armazenagem e inovação tecnológica na agricultura.

 

“Temos recursos abundantes para atender todos os produtores paranaenses”, disse o superintende Neirim Goulart Duarte. Do total para o Paraná, R$ 2,3 bilhões serão direcionados à agricultura familiar. 

 

Richa ressaltou que a agricultura tem sido essencial no enfrentamento da crise nacional. “A agropecuária dá respostas como a supersafra, que minimiza os efeitos da crise, gera muitos empregos e riquezas ao País e coloca alimentos na mesa dos brasileiros”, acrescentouECONOMIA

 

Em 2016, o valor bruto da produção agropecuária do Paraná atingiu R$ 88,7 bilhões, aumento de 1,5% em relação ao mesmo período do ano anterior. “Na safra 2017-2018, o solo será 100% ocupado, com privilégio para a soja, que tem mais liquidez e rentabilidade neste momento”, disse o secretário de Estado de Agricultura e Abastecimento, Norberto Ortigara.

 

Segundo maior produtor de grãos do Brasil, o Paraná deverá fechar a safra 2016/2017 com um recorde de 42,8 milhões de toneladas, o que representa 20,5% da produção nacional (234,3 milhões de toneladas), segundo o IBGE. 

 

O Estado é o primeiro produtor e exportador nacional de frango, com mais de 31% do total produzido e exportado. “Os recursos do Plano Safra vão promover ainda mais o desenvolvimento da área”, avaliou Pedro Loyola, economista da Federação da Agricultura do Paraná (Faep)

 

PRESENÇAS

 

Participaram da solenidade os secretários de Estado de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho, e Assuntos Estratégicos, Edgar Bueno; o presidente da Federação de Agricultura do Paraná, Ágide Meneguette; o presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Paraná, Ademir Mueller; a superintendente regional empresarial do Banco do Brasil no Paraná, Elisangela Moroz Zilli e o superintendente da Fecoopar, Nelson Costa.

 

Agricultura familiar recebe R$ 30 bilhões

 

A agricultura familiar receberá R$ 30 bilhões na safra 2017-2018. “O valor é suficiente para atender as demandas do setor, pois oferecem as condições necessárias para os agricultores familiares investirem na produção”, afirma o diretor do Departamento de Economia Rural (Deral), da Secretaria da Agricultura, Francisco Simioni.

 

As taxas reduzidas para os produtores rurais também favorecem a produção de alimentos em sistemas de produção de base agroecológica e orgânica, assim como os investimentos em produção de energia renovável, irrigação, armazenagem e práticas sustentáveis de manejo do solo e da água. No Paraná, cerca de 85% das 374 mil propriedades rurais são comandadas pelo regime familiar. (Com AEN)

 

 

 

45321
com_k2.item
(0 estrelas, média 0 de 5)
Paraná terá até R$ 13,6 bilhões do Banco do Brasil para a safra 2017-20180 out of 50 based on 0 voters.


Confira outras matérias publicadas em Paraná

Veja também:

  • Paraná confirma oito casos de hepatite por dia; 20% não sabe que é portador

    Doença caracterizada pela inflamação do fígado, a hepatite é um grave problema de saúde pública em todo o mundo.

     

    Apenas no Paraná, segundo dados do Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das IST, do HIV/Aids e das Hepatites Virais, são confirmados uma média de oito casos por dia das hepatites virais causadas pelos vírus A, B, C e D — o vírus E é mais frequente na África e na Ásia.

  • Homem usou taco de beisebol e corda para matar esposa no PR

    O suspeito de matar a companheira usando um taco de beisebol em Ponta Grossa, Campos Gerais do Paraná, foi preso em Foz do Iguaçu, região oeste do estado na tarde de quinta dia 27.

     

    Anderson Barbosa, 30 anos foi detido quando tentava passar pela Ponte da Amizade e iria para o país vizinho, Paraguai.

  • Paraná registra um acidente de trabalho a cada 10 minutos

    Uma verdadeira tragédia se abate sobre o Paraná ano após ano. Não se trata de desastres naturais, guerra ou mesmo alguma alta nos índices de violência.

     

    São os acidentes de trabalho, registrados em média a cada dez minutos no Estado. Entre 2011 e 2015, último ano com dados disponíveis, foram 253.721 acidentes, dos quais 1.158 foram fatais – o que representa uma morte a cada 38 horas.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.