Últimas notícias no Brasil e no Mundo

Homem desaparece após enviar mensagens dizendo que havia sido sequestrado


Publicado por: - 08/09/2017

Um homem está desaparecido desde a última segunda dia 04, após ter enviado mensagens ao celular da namorada, dizendo que havia sido sequestrado.

 

O sequestro teria ocorrido na cidade de Irani. Segundo as informações Tcharles do Amaral, foi visto pela última vez por volta das 23h daquele dia, quando conversou com a irmã informando que “estavam rondando a casa”.

 

Cerca de duas horas depois, Tcharles enviou mensagens de texto ao celular da namorada, dizendo que alguém havia levado seu carro e que iriam atear fogo nele. O veículo foi encontrado nesta quarta-feira, 05, abandonado em um terreno baldio.

 

Nas mensagens, o homem ainda disse estar trancado no porta-malas de um veículo que estava andando em uma estrada de chão. Tcharles escreveu que havia sido sequestrado e que seria morto.

 

Desde então a família não obteve mais contato com o homem. A Polícia Civil investiga o caso. (Com Fronteira Online)

 

 

 

46728
com_k2.item
(3 estrelas, média 2.33 de 5)
Homem desaparece após enviar mensagens dizendo que havia sido sequestrado2.33 out of 50 based on 3 voters.


Confira outras matérias publicadas em Notícias no Brasil e no Mundo

Veja também:

  • Homem é flagrado furtando transformador de energia

    A audácia dos criminosos parece não ter fim. Na manhã desta sexta dia 22, em plena luz do dia, a polícia flagrou um homem tentando furtar um transformador de energia na Rua Carlos de Carvalho, no Centro de Curitiba.

     

    A polícia chegou no local no momento em que o ladrão tentava descer a peça, após amarrá-la com uma corda.

  • Homem é condenado a 116 anos de prisão por estupro de deficientes mentais

    O Juízo da 2ª Vara Criminal de Paranaguá, no Litoral paranaense, condenou a 116 anos e 8 meses de prisão um homem que cometeu vários crimes de estupro de vulnerável contra vítimas deficientes mentais.

     

    A condenação foi requerida pela 3ª Promotoria de Justiça da comarca, que ofereceu a denúncia.

  • Homem mata a ex-sogra, faz postagem em rede social e acaba preso

    Um crime brutal chocou os moradores da cidade de Guajará-Mirim, no interior de Rondônia, na noite de quarta dia 13.

     

    Cléber Lopes da Silva foi até a casa da ex-sogra, onde a encontrou sentada em frente ao portão, e matou a mulher com um tiro à queima-roupa, no rosto. Horas depois, o homem confessou o crime pela rede social Facebook antes de ser preso em flagrante.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.