A ocasião faz o empreendedor. Ou pelo menos tem sido assim no Paraná, onde a crise econômica tem impulsionado um número crescente de pessoas a empreenderem no setor de gastronomia.

 

Segundo dados da Junta Comercial do Paraná (Jucepar), entre janeiro de 2014 e julho de 2017 o número de restaurantes, pizzarias, lanchonetes, bares e fast-foods, entre outros, registrou um crescimento de 37,4% no Estado. Três anos e meio atrás eram 7.852 empresas ativas em todo o Paraná. No primeiro semestre deste ano, o número chegou a 10.790.